Japão entre os 10 países seguros em relação a Covid-19

O pior país no ranking foi o Sudão do Sul e o melhor a Suíça. Veja onde entram EUA, Brasil e Japão.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

À esq. Osaka (Pixabay) e à dir. Suíça (PxHere)

Em um relatório de 250 páginas que avaliou a resposta à disseminação do novo coronavírus em países ao redor do mundo, a Suíça foi selecionada como o país mais seguro e o Sudão do Sul como o mais perigoso. Os Estados Unidos ficaram em 58.º, atrás da Romênia, e a Rússia em 61.º, atrás da França em 60.º.

Publicidade

A pesquisa foi liderada pelo Deep Knowledge Group, um consórcio de empresas e organizações sem fins lucrativos, sob a égide da empresa de investimentos de Hong Kong Deep Knowledge Ventures.

Na produção do relatório Covid-19 Safety, o grupo usou 130 parâmetros quantitativos e qualitativos mais 11,4 mil pontos de dados como base, incluindo eficiência em testes e rastreamento de infecções, resposta do governo e sistemas de saúde, por exemplo. 

O interessante aqui é que os rankings de segurança de cada país mudaram significativamente ao longo dos meses. Os países que responderam rapidamente à crise receberam elogios nos estágios iniciais da pandemia, mas agora os países com excelente resiliência econômica são classificados como altos.

“A Suíça e a Alemanha ficaram em primeiro e segundo lugar no ranking mais recente. Esses dois países foram cuidadosamente desbloqueados com base em evidências científicas, sem comprometer a saúde e segurança da população, retomando o desenvolvimento da economia, obtendo altas avaliações positivas”, consta do relatório. 

Enquanto isso, os países com pontuação mais baixa estão concentrados principalmente na África e no Oriente Médio. Os Estados Unidos, que continuam sendo o epicentro mundial do COVID-19, com mais do que o triplo dos casos do segundo colocado – Brasil – ficaram em 58.º lugar entre os 200.

Segue abaixo o ranking dos 10 principais países segundo o relatório do Deep Knowledge Group.

  1. Suíça
  2. Alemanha
  3. Israel
  4. Singapura
  5. Japão
  6. Áustria
  7. China
  8. Austrália
  9. Nova Zelândia
  10. Coreia do Sul

Nesse relatório, o Deep Knowledge Group aponta que o Japão tem um número relativamente pequeno de pessoas infectadas e de óbitos. Em contrapartida, o número de exames foi significativamente menor que a média de outros países, por isso, foi apontado o risco de outra onda de disseminação da infecção no Japão que possui uma enorme população idosa.

Pirâmide com 4 camadas, sendo que o topo é dos países considerados mais seguros, sendo que o Brasil está na camada 3 (Deep Knowledge Group)

Fontes: Forbes Japan e Datanami

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Aichi terá exame PCR por saliva para aumentar número de testados

Publicado em 9 de junho de 2020, em Sociedade

Além de aumentar o número de pessoas a se submeterem ao exame quer reduzir o perigo das equipes médicas.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Governador Omura mostra o dispositivo para exame PCR por saliva (Nagoya TV)

O governador da província de Aichi informou na segunda-feira (8) que introduzirá, o mais rápido possível, o exame PCR (acrônimo do inglês reverse-transcriptase polymerase chain reaction) por saliva. 

Publicidade

O alvo desse exame é a pessoa suspeita da infecção pelo novo coronavírus e que apresenta quadro leve, dentro de 9 dias a contar da data de surgimento do sintoma. 

O paciente com suspeita receberá um kit da instituição hospitalar, com um recipiente para coleta da saliva em casa, para levá-lo ao estacionamento de um dos Centros de Saúde da província.

Com o objetivo de aumentar o número de exames e reduzir o ônus das equipes médicas que coletam amostras, o governador solicitará às instituições que aceitem esse teste para iniciar o mais rápido possível, de preferência a partir desta semana.  

Esse exame PCR pela saliva para detectar a presença do vírus que causa a Covid-19 foi aprovado pelo governo do país em 2 deste mês.

Fontes: Nagoya TV e CTV

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância