Cerca de 82 milhões de ‘Abenomasks’ ficaram sem uso

A revelação espalhou críticas como dinheiro desperdiçado de quem paga impostos.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Máscaras de pano foram distribuídas pelo governo a residentes no Japão (PM)

Cerca de 82 milhões de máscaras de pano produzidas pelo Japão durante a pandemia de coronavírus, apelidadas pelo público de “Abenomasks”, ficaram sem uso, disse um porta-voz do governo nesta quarta-feira (27), uma revelação que espalhou críticas como dinheiro desperdiçado de quem paga impostos.

O número de máscaras que ficou armazenada desde março deste ano contou por mais da metade das 140 milhões de unidades que o governo tinha a intenção de fornecer aos idosos e instalações de cuidados infantis em meio a uma escassez do item de proteção.

O plano do então primeiro-ministro Shinzo Abe para distribuir duas máscaras de pano para cada residente no Japão no ano passado foi amplamente ridicularizado pelo público, com muitos se queixando que as Abenomasks eram muito pequenas e chegaram muito tarde ou nem receberam.

O secretário-chefe de Gabinete, Yoshihiko Isozaki, disse em uma coletiva de imprensa que o governo finalizou a distribuição de máscaras de pano aos residentes, mas mudou para uma base de “mediante solicitação” para instalações de cuidados aos idosos e isso levou ao excedente.

A revelação seguiu reportagens da mídia dizendo que o Conselho de Auditoria investigou a questão e a incluirá em sua revisão anual financeira em novembro.

De acordo com reportagens, as 82 milhões de máscaras custaram aos contribuintes cerca de ¥11,5 bilhões e outros ¥600 milhões para manter em armazenamento de agosto de 2020 a março deste ano.

Fonte: Mainichi

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Nações Unidas alertam sobre catástrofe climática

Publicado em 27 de outubro de 2021, em Notícias do Mundo

Na terça-feira (26), o Programa Ambiental das Nações Unidas apresentou um relatório alertando sobre um aumento nas temperaturas médias globais.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Ilustrativa (banco de imagens)

O Programa Ambiental das Nações Unidas apresentou um relatório na terça-feira (26) alertando sobre um aumento nas temperaturas médias globais.

Autoridades das Nações Unidas disseram que os atuais esforços sobre emissões de gás do efeito estufa colocam o planeta no caminho para um aumento de 2,7º Celsius neste século.

Líderes mundiais que assinaram o Acordo Climático de Paris em 2015 concordaram em reduzir suas emissões. Eles esperavam limitar o aumento nas temperaturas, até 2030, para 1,5ºC. O relatório disse que as temperaturas aumentarão mesmo se os países atingirem suas metas.

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, disse que a lacuna de emissões é o resultado de uma lacuna na liderança. Ele disse que o relógio não para.

Os autores do relatório disseram, no ano passado, que a pandemia de coronavírus levou a uma queda de 5,4% sem precedentes nas emissões, mas eles esperam que a reabertura das economias neste ano resultará em um aumento de 4,8% nas emissões.

O relatório ocorre somente dias antes de líderes se reunirem em Glasgow, na Escócia, para a Conferência de Mudança Climática das Nações Unidas.

Fonte: NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Info para brasileiros de Mie-ken
Kumon - aprenda japonês e tenha oportunidades