China recomenda uso de luvas e máscara ao abrir correspondência internacional

Caso da variante ômicron em Pequim pode estar ligado a uma carta recebida do Canadá, segundo autoridades da China.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Ilustrativa (banco de imagens)

Autoridades na China estão orientando seus cidadãos a usarem luvas e máscara quando manusearem correspondência ou encomendas do exterior, visto que o primeiro caso da variante ômicron da covid-19 em Pequim pode estar ligado a uma carta recebida do Canadá.

Publicidade

Minimize compras de produtos do exterior ou o recebimento de correspondência internacional”, disse a rede de TV estatal CCTV na segunda-feira (17) em uma postagem na mídia social, de acordo com a agência de notícias Reuters.

“Proteja-se durante entregas face a face e usem máscara e luvas. Tente abrir os pacotes no lado de fora de casa”, acrescentou a CCTV.

Autoridades chinesas também teriam se comprometido a aumentar os esforços para desinfetar correspondência que vem do exterior.

Alguns oficiais da saúde disseram que a pessoa infectada pela variante ômicron em Pequim abriu uma correspondência que veio do Canadá que havia passado pelos EUA e Hong Kong, citando que a possível transmissão por ela “não pode ser descartada”.

Contudo, Ben Cowling, professor de epidemiologia da Universidade de Hong Kong, disse antes nesta semana que o risco associado a superfícies contaminadas é tipicamente muito baixo.  

Fonte: The Hill

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Shimane: pedido de evitar deslocamento para outras províncias

Publicado em 19 de janeiro de 2022, em Sociedade

Com o aumento dos novos casos diários, há um pedido para abster-se de se deslocar para outras províncias.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Em vermelho, província de Shimane (Wikimedia)

Em 13 deste mês o governador da província de Shimane pediu à população local para evitar se mover para outras províncias, exceto a vizinha, Tottori, como uma das medidas para frear o aumento da infecção pelo coronavírus. 

Publicidade

Mas, como os números de novos casos continuam aumentando diariamente, na terça-feira (18), incluiu Tottori também no pedido de abstenção.

Nesse dia o número foi histórico, com 158 testados positivo. Só para comparar, no pico da quinta onda, em 25 de agosto, teve 45, portanto, na terça-feira foi 3,5 vezes superior.

Exceções

Evitar se locomover sem necessidade ou urgência, significa não sair para outras províncias, exceto em casos de trabalho inadiável, porque estuda, foi transferido para uma filial, entrevista de emprego, funeral, cuidado de algum paciente, visita hospitalar ou compras de artigos de necessidade, por exemplo.

O período dessa solicitação segue até 31 de janeiro.

Gráfico dos casos diários na quinta e sexta ondas (News Digest)

Fonte: News Digest e J-Cast

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância