Menina de 5 anos sofreu maus-tratos nua e morreu sem retomar consciência

Por causa dessa violência a mãe e o padrasto foram presos. Soube-se que não tinha sido vítima pela primeira vez.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Escola sul-americana de Hamamatsu é premiada pela Fundação Japão

Publicado em 10 de fevereiro de 2022, em Comunidade

O motivo da premiação é a promoção da coexistência de diversas culturas, fomentando recursos humanos avançados para a sociedade.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Uma das salas de aula do Mundo de Alegria (Chunichi)

A escola sul-americana Mundo de Alegria, em Nishi-ku, cidade de Hamamatsu (Shizuoka), recebeu o Prêmio dos Cidadãos Globais, edição 2021, da Fundação Japão. 

Publicidade

Foi elogiada por sua contribuição para a realização de uma sociedade multicultural oferecendo atividades educacionais para os nikkeis, desde crianças até estudantes do colegial.

Alunos de Aichi e Shizuoka

A cidade de Hamamatsu é o lar de muitos peruanos e brasileiros, os quais contribuem com sua mão de obra nas indústrias locais. Para apoiar os filhos desses trabalhadores, a japonesa Masami Matsumoto criou o Mundo de Alegria em 2003 para proporcionar educação, correspondente ao Japão, Peru e Brasil, desde o jardim de infância. 

Atualmente tem 247 alunos, de 3 a 18 anos, os quais vêm do oeste de Shizuoka como também de Aichi.

Foto: HP da Fundação Japão

Além disso, também fornece aconselhamento de carreira, como ingressar na universidade e encontrar emprego, apoia cada pessoa a abrir seu próprio futuro, contribuindo para a formação de uma sociedade de diversidade, independentemente da nacionalidade ou idade. 

Tenho lutado para defender o futuro dos alunos

No Mundo de Alegria os alunos passam a aprender o idioma japonês a partir do quarto ano e alguns deles são aprovados no Teste de Proficiência na Língua Japonesa nível 1, o mais elevado. Tem no histórico alunos do colegial que seguiram para um curso técnico ou ingressaram na universidade japonesa.

“Tenho lutado para defender o futuro dos alunos. Obtive o reconhecimento da educação tanto em japonês quanto na língua materna”, declarou a diretora em relação ao prêmio.

O Prêmio dos Cidadãos Globais (国際交流基金地球市民賞) foi estabelecido em 1985 pela Fundação Japão, com sede em Shinjuku-ku, Tóquio. Até o momento, 112 indivíduos e grupos foram premiados por sua contribuição para aprofundar a cooperação entre cidadãos japoneses e estrangeiros por meio do intercâmbio cultural internacional.

Fontes: Chunichi e divulgação

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância