Putin ‘estaria sem mísseis e tanques’ porque peças são feitas na Ucrânia

Sanções do Ocidente impostas sobre a Rússia significam que Putin também está impossibilitado de comprar armas de outros países.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Na imagem, cidade ucraniana bombardeada pelas forças armadas russas (banco de imagens)

Dizem que Vladimir Putin está com falta de mísseis, tanques e aeronaves, visto que peças as quais esses equipamentos dependem são feitas na Ucrânia.

Publicidade

Os motores de helicópteros militares russos e componentes fundamentais para navios de guerras, mísseis de cruzeiro e a maioria dos caças da nação são todos feitos em fábricas na Ucrânia, divulga o site Telegraph.

As fábricas, as quais também produzem peças para tanques e mísseis terra-ar, não fornecem mais para as forças armadas de Putin.

No início da semana passada, Moscou disse que reduziria a atividade militar na capital ucraniana e em Chernihiv, no norte do país.

A Rússia disse que a retirada ajudaria a aumentar a confiança em negociações de paz, entretanto, as afirmações foram encaradas com ceticismo.

A Ucrânia e seus aliados disseram que o Kremlin não estava fazendo uma desescalada para promover segurança, mas ao invés disso, planeja reagrupar e reabastecer enquanto ele muda o foco para a região de Donbas da Ucrânia.

Também teme-se que o novo ataque terá como alvo a já intensamente atacada cidade portuária de Mariupol, que poderia ser usada por Putin para trazer novas armas ao país.

Entretanto, fontes que falaram ao Telegraph disseram que os atuais estoques das forças armadas russas estavam “muito ruins”, após a falha de Putin em capturar a Ucrânia tão rápido como ele esperava.

Entende-se que as forças armadas também estejam com falta de armas após 5 semanas de bombardeio sustentado de cidades ucranianas.

Sanções do Ocidente impostas sobre a Rússia significam que Putin também está impossibilitado de comprar armas de outros países.

Enquanto reportagens sugerem que a Rússia está ficando sem armas, os recursos da Ucrânia estão sendo intensificados pelos seus aliados.

Fonte: Metro UK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Terremoto de intensidade 4 em Ishikawa

Publicado em 4 de abril de 2022, em Prevenção

Somente na manhã de segunda-feira ocorreram 3 terremotos em Ishikawa e há possibilidade de um com maior intensidade.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Em X o epicentro do terremoto com intensidade máxima 4 (WeatherNews)

Às 10h26 de segunda-feira (4) ocorreu um terremoto de magnitude 4,3 na região Noto, na província de Ishikawa, a 10km de profundidade, informou a AMJ-Agência de Meteorologia do Japão. 

Publicidade

Os abalos foram de intensidade sísmica 1 a 4, sendo a mais forte na cidade de Suzu e de 3 em Noto. Abalos de intensidade 1 e 2 foram ocorreram em algumas cidades de Ishikawa, Toyama e Niigata.

Apesar de ter ocorrido em local relativamente raso, não gerou alerta de tsunami.

Às 10h34 e 11h21 ocorreram mais dois terremotos, sendo um de intensidade 3 e outro de 2, na mesma região.

Desde 2 de janeiro vem ocorrendo abalos sísmicos sequenciais. Foram 18 de intensidade 1; 9 de intensidade 2; 5 de intensidade 3 e 3 de intensidade 4. O número de ocorrências vem aumentando, pois em 2019 foram 9 vezes, 11 em 2020 e 70 em 2021.

Os especialistas alertam para a possibilidade de um terremoto de grande escala se os abalos continuarem nessa região de Noto, portanto, recomendam preparativos caso isso aconteça. Por isso, recomenda-se verificar se seu kit de emergência está em dia.

Fontes: NHK, AMJ, WeatherNews e Toyama Info

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência