Nike sai da Rússia após suspender operações em março

Nike se junta a outras grandes marcas americanas, incluindo a McDonald’s e a Starbucks, que cortam relações com Moscou por invadir a Ucrânia.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Fachada de uma loja da Nike em Krasnoyarsk, na Rússia (banco de imagens)

A companhia de artigos esportivos dos EUA, Nike, está deixando a Rússia após suspender operações em março, de acordo com reportagens na quarta-feira (25), uma outra partida simbólica de uma grande marca americana enquanto multinacionais incluindo a McDonald’s e a Starbucks cortam relações com Moscou por invadir a Ucrânia.

Publicidade

Enquanto a Nike tenha fechado temporariamente suas lojas russas no início de março e retirado seu patrocínio do popular clube de futebol Spartark Moscow, várias lojas operadas de forma independente, mas autorizadas, continuaram abertas.

O Inventive Retail Group (IRG), a maior franquia da Nike na Rússia, disse que a marca de artigos esportivos havia suspendido envios e que fornecimentos estavam limitados, de acordo com o jornal russo Vedomosti na quarta-feira.

O IRG, que opera 37 das 56 lojas autorizadas restantes da Nike na Rússia, também disse que a marca não renovou seu contrato ou ofereceu um novo para eles assinarem.

O contrato existente da companhia com a Nike deve expirar nesta quinta-feira (26), segundo o Vedemosti.

A Nike disse à Forbes que tomou a decisão de não renovar ou entrar em novos comprometimentos de negócios na Rússia “devido a desafios operacionais no país”, incluindo acordos com a franquia Up&Run uma subsidiária do IRG.

Fonte: Forbes

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Semana da Ação de Graças na Uniqlo tem presentes

Publicado em 26 de maio de 2022, em Tome Nota

Além de ganhar presentes tem corte de preços em peças indispensáveis para o verão, as quais vestem toda a família.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Camisete e camiseta da Airisn e camisas polo (HP)

Uma das redes da operadora Fast Retailing, a Uniqlo, oferece aos seus clientes um período de presentes para os primeiros a fazerem compras nas lojas, incluindo a online, dividido em duas etapas.

Publicidade

Na primeira fase, entre 27 e 30 de maio, serão oferecidos doces, guloseimas ou artigos regionais – varia de província para província – para os primeiros compradores.

No mesmo período o presente é uma garrafa térmica de 300ml, com logo da Uniqlo, para os primeiros clientes que fizerem compras acima de 10 mil ienes.

Potes quadrados e garrafa térmica (HP)

Entre 3 a 6 de junho, o presente para os clientes que gastarem mais de 10 mil ienes é um conjunto de 3 contêineres, de formato quadrado, também com logo, para armazenar alimentos quentes ou frios.

Roupas de verão para todas as idades

Além disso, a linha Airism, ideal para o verão, entra em promoção tentadora. Se pode comprar camisete ou camisetas masculina e feminina por ¥790. 

Mas também há leggings para crianças por ¥590, camisetas de algodão por ¥990, além de vários outros vestuários como camisas para ambos os sexos, camisa polo, leggings femininos, entre outras peças.

O período é de 27 de maio, sexta-feira, a 6 de junho, segunda-feira.

Boas compras e boa sorte com os presentes!

Fonte: divulgação

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância