Dificuldade para fazer e receber ligações pela au, no sábado

Usuários reclamam do problema para fazer e receber chamadas e a KDDI informa sobre o caso.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Logo da au (Wikimedia)

A operadora au, do grupo KDDI, emitiu um comunicado às 9h de sábado (2) sobre a dificuldade em usar o serviço de comunicação, o que afeta grande parte dos usuários.

Publicidade

Segundo a operadora, a dificuldade para fazer e receber ligações telefônicas, além da comunicação de dados, começou por volta da 1h35 de sábado, tanto para os usuários da au quanto da UQ Mobile.

A área afetada é todo o país e não há informação da estimativa de quando o problema será solucionado.

Na página do Down Detector mostra-se que o maior volume das queixas está concentrado em Tóquio, regiões Tokai e Kansai.

A grande maioria (87%) relata problemas com as chamadas telefônicas.

Fontes: au e Down Detector

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Sequência de terremotos no Irã, de magnitudes 6,1 e 6,2, causa mortes e danos

Publicado em 2 de julho de 2022, em Notícias do Mundo

Os fortes terremotos causaram danos no país e sacudiram os países vizinhos.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem das casas em ruínas, do vídeo do Iran International

Por volta das 8h25 de sábado (2) no horário Tóquio e 3h25 no horário local, ocorreu um forte terremoto no Irã, de magnitude 6,1, com epicentro a 52km de Bandar-e Lengeh, a 10 quilômetros de profundidade. Um minuto antes, no mesmo local, teve um de magnitude 6,2.

Publicidade

À 1h47 teve um de magnitude 5,0, depois outro de 4,3 às 2h07; de 4,2 às 2h43; de 5,7 às 3h24 e um de 4,2 às 3h49, logo depois desse os dois muito fortes.

Segundo informações da imprensa local, Iran International, pelo menos 3 pessoas morreram (até 9h30 no Japão), e as casas na área de Hormozgan estão em ruínas.

De acordo com as informações, os países vizinhos como Barém, Arábia Saudita, Paquistão, Qatar, Afeganistão e Emirados Árabes Unidos tiveram tremores em consequência desses fortes terremotos.

Não há informação sobre tsunami.

Sequência de terremotos

Fontes: Iran International, Khaleej Times e News Digest

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência