Altos níveis de dióxido de enxofre são detectados em muitas partes de Fukuoka

Muitas pessoas notificaram uma companhia de gás local e o departamento de bombeiros sobre o odor na manhã de quarta-feira. Queixas similares foram publicadas na mídia social.

Vista da central de Fukuoka (banco de imagens)

Autoridades em Fukuoka disseram que detectaram altos níveis de dióxido de enxofre em muitas partes da província.

Publicidade

Muitas pessoas notificaram uma companhia de gás local e o departamento de bombeiros sobre o odor na manhã de quarta-feira (21). Queixas similares foram publicadas na mídia social.

Autoridades provinciais então confirmaram que os níveis de gás estavam bem maiores do que o de costume em várias regiões.

Eles descobriram que medidas de dióxido de enxofre começaram a aumentar às 7h nas cidades de Fukuoka, Asakura e Sasaguri. O valor também começou a subir na cidade de Kurume à 8h. O aumento também foi reportado em partes da província vizinha de Saga.

A densidade do gás às 9h estava particularmente alta na parte central da cidade de Fukuoka. Em um local, o valor foi de 0.015ppm, que foi 15 vezes maior do que aquele às 5h. Em um outro local, a medida foi 20 vezes maior.

A provedora de gás local diz que não havia anormalidade, como um vazamento de gás por exemplo, em sua área de serviço.

Autoridades locais do clima dizem que vulcões ativos como o Monte Aso, que fica na província vizinha de Kumamoto, sempre liberam gases. Eles também dizem que não pode ser negado que tais gases podem alcançar áreas distantes dependendo das condições climáticas, mas nenhuma grande mudança foi observada em atividades vulcânicas.

A densidade do dióxido de enxofre havia diminuído para quase os níveis normais até a noite de quarta-feira. Autoridades provinciais dizem que a causa do odor continua incerta.

O dióxido de enxofre (SO2) é um gás tóxico não inflamável, incolor e causador de transtornos respiratórios e problemas cardiovasculares.

Fonte: NHK

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Dados preliminares indicam que epidemia de influenza começou em Tóquio

Publicado em 22 de dezembro de 2022, em Sociedade

O Centro de Vigilância de Doenças Infecciosas Metropolitano divulgou dados preliminares sobre o status de infecção de influenza em Tóquio para a semana até domingo (25).

Autoridades em Tóquio pediram que as pessoas considerem tomar vacina contra influenza (ilustrativa/banco de imagens)

O Governo Metropolitano está pedindo que as pessoas tomem medidas minuciosas para prevenir infecções, visto que a epidemia sazonal de influenza pode ter começado na capital japonesa.

Publicidade

O Centro de Vigilância de Doenças Infecciosas Metropolitano divulgou dados preliminares sobre o status de infecção de influenza em Tóquio para a semana até domingo (25).

Ele diz que 459 casos de influenza foram reportados por 409 instituições médicas na capital, 2.2 vezes o número para o período de 7 dias anterior.

Isso significa 1.12 casos por instituição, excedendo o limite de 1 caso por instituição, que indica o início de uma epidemia.

Essa é a primeira vez desde 2019, antes do início da pandemia de coronavírus, que o número passou de 1.

Autoridades em Tóquio disseram que o número de casos de influenza tende a aumentar assim que a epidemia começa.

Eles pediram às pessoas que implementem medidas rigorosas para prevenir infecções, como usar máscara e lavar as mãos com frequência, citando que casos de coronavírus também vêm aumentando.

Autoridades pediram que as pessoas considerem tomar vacina contra influenza.

Fonte: NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros