Quinta-feira: 185 mil novos casos de coronavírus no Japão

O Japão passou de 31 milhões de pessoas infectadas pelo coronavírus. Foram 2 recordes: um em uma província e outro de óbitos em um único dia.

SARS-CoV-2 (CDC)

O Japão teve 185.472 testados positivo para o novo coronavírus na quarta-feira (12), aumentando a soma cumulativa para 31.032.204 pessoas infectadas nesta epidemia. A província de Mie teve recorde de novos casos.

Publicidade

Nos aeroportos foram 32 passageiros, totalizando 23.295 nesta epidemia.

As províncias com maiores números são as listadas abaixo.

  1. Tóquio: 13.427
  2. Aichi: 13.270
  3. Osaka: 11.466
  4. Fukuoka: 11.200
  5. Hyogo: 10.226

São 697 pacientes em estado grave, em tratamento da covid no país, tanto na UTI quanto necessitando de ventilação mecânica, 32 a mais do que no dia anterior.

O dia teve 489 óbitos pela covid, elevando a soma cumulativa para 61.281 mortes nesta epidemia. Foi o maior número de mortes em um único dia desta epidemia.

Veja os dados dos testados positivo, por província no Japão. A listada em vermelho é a que teve recorde.

REGIÃO
PROVÍNCIA TOTAL
Hokkaido 4.133
Tohoku
Aomori 1.123
Iwate 1.092
Miyagi 2.857
Akita 640
Yamagata 832
Fukushima 2.176
Kanto
Ibaraki 4.929
Tochigi 2.601
Gunma 2.623
Saitama 7.523
Chiba 6.923
Tóquio 13.427
Kanagawa 9.337
Hokuriku
Niigata 2.173
Toyama 1.217
Ishikawa 1.448
Fukui 1.213
Koshin
Yamanashi 1.365
Nagano 2.454
Tokai
Gifu 3.184
Shizuoka 9.189
Aichi 13.270
Mie 5.457
Kinki
Shiga 2.054
Quioto 3.473
Osaka 11.466
Hyogo 10.226
Nara 1.919
Wakayama 2.199
Chugoku
Tottori 1.235
Shimane 1.086
Okayama 3.974
Hiroshima 7.186
Yamaguchi 2.645
Shikoku
Tokushima 1.337
Kagawa 1.742
Ehime 2.316
Kochi 1.076
Kyushu
Fukuoka 11.200
Saga 2.059
Nagasaki 2.843
Kumamoto 3.625
Oita 2.731
Miyazaki 2.829
Kagoshima 3.471
Okinawa 1.594
TOTAL GERAL 185.472
Fontes: MHLW e NHK

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Uganda declara oficialmente fim do surto de ebola

Publicado em 12 de janeiro de 2023, em Notícias do Mundo

O vírus ebola é transmissível, mas não tanto quanto algumas outras doenças infecciosas, como a covid-19.

Imagem em 3D do vírus ebola (ilustrativa)

Autoridades da Uganda declararam oficialmente o fim de um recente surto de ebola após 42 dias consecutivos sem novos casos.

Publicidade

Uma declaração formal foi feita durante uma cerimônia transmitida na TV do distrito central de Mubende, o epicentro do surto, na quarta-feira (11).

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) um surto de ebola é encerrado se não houver novos casos após 42 dias, que é duas vezes o período de incubação.

“Hoje, 11 de janeiro de 2023, marca 113 dias desde o início do surto de ebola na Uganda”, disse a ministra da Saúde, Jane Ruth Aveng Ocero.

O surto, o 8º na história da Uganda, matou 55 pessoas, disse Aceng Ocero. Houve um total de 153 casos confirmados e 22 prováveis, acrescentou ela.

O vírus ebola é transmissível, mas não tanto quanto algumas outras doenças infecciosas, como a covid-19.

Ele pode se espalhar de pessoa para pessoa através de contato direto com sangue ou outros fluidos corporais como saliva, suor, sêmen ou fezes, ou por meio de objetos contaminados como roupas de cama ou agulhas.

Sintomas do ebola incluem febre, dores e fadiga, os quais podem progredir para diarreia, vômito e sangramento inexplicado.

Fonte: CNN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros