ChatGPT faz estreia como app em iPhones

O app gratuito foi disponibilizado em iPhones e iPads nos EUA na quinta-feira (18) e posteriormente chegará aos dispositivos Android.

O app gratuito foi disponibilizado em iPhones e iPads nos EUA na quinta-feira, 18 de maio (banco de imagens)

O ChatGPT é agora um app de smartphone, que pode ser uma boa notícia para as pessoas que gostam de usar o chatbot de inteligência artificial e uma má para todos os apps clones que tentaram lucrar com a tecnologia.

Publicidade

O app gratuito foi disponibilizado em iPhones e iPads nos EUA na quinta-feira (18) e posteriormente chegará aos dispositivos Android.

Ao contrário da versão web para desktop, a móvel no sistema operacional iOS da Apple também permite que os usuários falem com ele usando suas vozes.

A companhia que o criou, a OpenAI, disse que se manterá “livre de anúncios”, mas “sincroniza seus histórico por todos os dispositivos”.

“Estamos fazendo nossa estreia nos EUA e expandiremos para países adicionais nas próximas semanas”, de acordo com um blog anunciando o novo app, que é descrito na App Store como o “app oficial” da OpenAI.

Faz mais de 5 meses que a OpenAI lançou o ChatGPT para o público, espalhando excitação e preocupação com sua habilidade de gerar de forma convincente dissertações como humanos, poemas, escrever cartas e respostas conversacionais para quase toda pergunta. Contudo, a startup de São Francisco nunca teve pressa de tê-lo em smartphones, onde a maioria das pessoa acessa a internet.

O atraso em ter o produto em smartphones ajudou a alimentar um aumento de clones criados com tecnologia similar, alguns dos quais a empresa de segurança Sophos descreve como um “fleeceware” (tipo de aplicativo móvel malicioso que vem com taxas de assinatura excessivas e ocultas) em um relatório nesta semana.

O novo app não inclui uma opção para pagar uma versão premium do ChatGPT com funções adicionais.

Fonte: Japan Today

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Próxima rodada de demissões na Meta, dona do Facebook, começa na semana que vem

Publicado em 19 de maio de 2023, em Notícias do Mundo

Em março, a Meta já havia demitido cerca de 4 mil funcionários, deixando aproximadamente 6 mil posições potencialmente sujeitas a eliminações nessa rodada que se aproxima.

Dona do Facebook, Meta, começa nova rodada de demissões na semana que vem (banco de imagens)

A Meta, empresa dona do Facebook, Instagram e WhatsApp, anunciou que dará início a uma nova onda de demissões na próxima semana, de acordo com executivos que conduziram uma sessão de Q&A (perguntas e repostas) com funcionários na quinta-feira (18).

Publicidade

Enquanto o CEO da Meta, Mark Zuckerberg, havia revelado anteriormente que as demissões aconteceriam em maio, o tempo preciso foi confirmado durante a reunião, revelando que os cortes impactariam primariamente os departamentos de negócios da Meta, afetando potencialmente milhares de funcionários, divulgou a Vox.

A Vox obteve a gravação de uma reunião a nível de empresa em que Nick Clegg, presidente de assuntos globais da Meta, disse, “É apenas um momento de grande ansiedade e incerteza… Gostaria de ter uma maneira fácil de oferecer consolo e conforto”.

Clegg revelou ainda que o processo de demissões seguiria uma abordagem similar aos cortes que ocorreram em abril, em que 4 mil posições foram eliminadas dos departamentos de tecnologia da Meta.

Enquanto a extensão precisa dessa rodada de demissões não tenha sido confirmada explicitamente por executivos da companhia, Zuckerberg havia indicado em março que a Meta planejava eliminar 10 mil posições até o fim de maio, após a redução inicial de 11 mil em novembro de 2022.

No mês anterior, a Meta já havia demitido cerca de 4 mil funcionários, deixando aproximadamente 6 mil posições potencialmente sujeitas a eliminações nessa rodada que se aproxima. Desde o fim de 2022, a Meta tinha cerca de 86 mil empregados.

Fonte: Business Today

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - junto a comunidade no Japão
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!