Coreia do Norte diz que não está interessada em diplomacia com os Estados Unidos

A Coreia do Norte disse que não está interessada em diplomacia por enquanto até que ela tenha um míssil capaz de atingir os EUA.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

A Coreia do Norte disse que não está interessada em diplomacia por enquanto até que ela tenha um míssil capaz de atingir os EUA (NHK/reprodução)

Um oficial norte-coreano reafirmou na segunda-feira (16) o comprometimento de Pyongyang em desenvolver um míssil balístico intercontinental de longo alcance capaz de atingir “toda a costa leste dos Estados Unidos,” dizendo à CNN que, atualmente, sua nação não está interessada em diplomacia com os Estados Unidos até ela conseguir seu objetivo.

Publicidade

A Coreia do Norte não está excluindo a diplomacia, mas “antes que possamos engajar em diplomacia com a administração de Trump, queremos enviar uma mensagem clara de que a República Popular Democrática da Coreia (RPDC) tem uma defensiva confiável e uma capacidade ofensiva para conter qualquer agressão dos Estados Unidos,” disse o oficial.

Os comentários oferecem um sério desafio aos Estados Unidos e à administração de Trump, que ofereceu mensagens mistas em relação a esforços diplomáticos com a Coreia do Norte.

O chefe de gabinete da Casa Branca, John Kelly, disse na semana passada que os americanos deveriam se preocupar com a habilidade da Coreia do Norte de atingir os Estados Unidos com um míssil balístico intercontinental, dizendo enigmaticamente aos repórteres que se a ameaça crescer “além de onde ela está hoje, bem, vamos esperar que a diplomacia funcione.”

Consideravelmente, Kelly reconheceu que Pyongyang “está desenvolvendo um veículo de reentrada bem favorável.”

Para um míssil atingir com êxito um alvo ele teria que reentrar na atmosfera da Terra sem se dispersar.

Os comentários de Kelly parecem indicar que os Estados Unidos acreditam que a Coreia do Norte está perto de alcançar o que seria um avanço fundamental para seu programa de míssil.

O oficial norte-coreano disse à CNN que dois passos adicionais são necessários para atingir seu alvo de um ICBM confiável.

Um passo seria uma detonação nuclear acima do solo e o outro um “teste de um ICBM de longo alcance capaz de atingir Guam – e até mais longe,” disse o oficial.

Na semana passada, a mídia estatal norte-coreana renovou uma ameaça de lançar mísseis em direção ao território americano de Guam, alertando que “medidas irresponsáveis” por parte dos Estados Unidos forçariam Pyongyang a realizar ações.

A Coreia do Norte havia dito que estava examinando um plano para atingir a ilha no Pacífico em agosto, após Trump ter alertado que o regime isolado “enfrentaria fogo e fúria como o mundo nunca viu” após uma avaliação da inteligência dos Estados Unidos de que a Coreia do Norte havia produzido uma ogiva nuclear miniaturizada.

Ambos os passos são necessários para a RPDC enviar uma “clara mensagem” à administração de Trump que ela possui uma dissuasão nuclear efetiva, disse o oficial norte-coreano na segunda-feira.

O oficial frisou que um desses testes poderia possivelmente ser programado para coincidir com o exercício naval conjunto dos EUA e Coreia do Sul, que tiveram início na segunda-feira (16) e vai durar por dez dias, ou possivelmente coincidir com a visita de Trump à Ásia no próximo mês.

Exercícios militares conjuntos são particularmente irritantes para Pyongyang. O governo norte-coreano os vê como um ensaio geral para uma invasão – mesmo que os EUA insistam que eles são puramente defensivos em natureza.

No domingo (15), o secretário de estado dos EUA, Rex Tillerson disse que seus esforços diplomáticos continuarão enquanto forem possíveis, apesar da exibição ostentadora de poder militar de ambos os lados do Pacífico.

Fonte: CNN
Imagem: NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Drift atrás da Universal Studios Japan é a causa de 10 presos

Publicado em 17 de outubro de 2017, em Crime

A polícia anunciou a prisão de 10 homens, na faixa dos 19 aos 33 anos, que praticaram drift numa área próxima ao parque temático USJ. Confira o vídeo.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!
.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância