Avião derrapa ao pousar em aeroporto na Turquia e quase cai no mar

O pânico se espalhou dentro do avião de passageiros quando ele derrapou e saiu da pista, indo parar em um barranco, a apenas alguns metros do mar.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagens mostraram o avião em um barranco com seu nariz a somente alguns metros da água (Twitter/AIRLIVE)

O pânico se espalhou dentro de um avião de passageiros quando ele derrapou, saiu da pista de um aeroporto na Turquia e foi parar em um barranco, quase caindo no mar.

Publicidade

O Boeing 737-800 da Pegasus Airlines com 168 passageiros a bordo e tripulação voou de Ancara e aterrissou em Trabzon, na costa do Mar Negro, no final de sábado (13).

Todos a bordo foram evacuados de forma segura, disse o governador provincial Yucel Yavuz. Não houve relatos de pessoas feridas.

A causa do acidente está sendo investigada, disseram oficiais.

A agência de notícias estatal Anadolu disse que houve pânico a bordo no momento em que o avião perdeu o controle.

Imagens mostraram o avião em um barranco com seu nariz a somente alguns metros da água.

“Fomos jogados para o lado. A parte da frente estava para baixo enquanto a de trás estava para cima. Houve pânico, pessoas gritando”, disse uma passageira.

Segundo Yavuz, o Aeroporto ficou fechado por várias horas enquanto investigações estavam sendo realizadas.

Imagens feitas por um passageiro:

Fonte: BBC
Imagem: Twitter/Airlive

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Petroleiro iraniano afunda na zona econômica exclusiva do Japão

Publicado em 15 de janeiro de 2018, em Ásia

O petroleiro afundou perto de uma das ilhas no sul do Japão mais de 1 semana após ele ter colidido com um cargueiro chinês no Mar do Leste da China.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Três membros da tripulação morreram, enquanto outros 29 ainda estão desaparecidos (News TBS/reprodução)

Um petroleiro iraniano afundou perto de uma das ilhas no sul do Japão mais de uma semana após ele ter colidido com um cargueiro chinês no Mar do Leste da China.

Publicidade

Segundo a Guarda Costeira do Japão, o petroleiro Sanchi, de propriedade de uma empresa de transporte iraniana, desapareceu do radar de um navio de patrulha na tarde de domingo (14). Acredita-se que ele tenha afundado a cerca de 300Km a oeste das Ilhas Amami, província de Kagoshima, divulgou a NHK.

Equipes de resgate chinesas também relataram o naufrágio da embarcação.

A colisão ocorreu ao largo da costa de Shangai em 6 de janeiro. Com o incidente o petroleiro, que transportava cerca de 140 mil toneladas de petróleo bruto com destino a Coreia do Sul, ficou em chamas e à deriva na Zona Econômica Exclusiva do Japão

Três membros da tripulação morreram, enquanto outros 29 ainda estão desaparecidos. O gravador de dados de voz do navio, que funciona como uma caixa-preta na aeronave, foi recuperado.

A Guarda Costeira do Japão enviou uma equipe até o local, incluindo especialistas, para responder a um possível vazamento do petroleiro naufragado.

Fonte: NHK
Imagens: News TBS

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância