Seminário ‘Os desafios da educação dos filhos dos trabalhadores brasileiros no Japão’ é realizado em São Paulo

Os impactos culturais e a adaptação escolar no Japão e no Brasil.

Seminário foi realizado na Japan House em São Paulo

Foi realizado na quinta-feira (14) no Japan House, em São Paulo , o seminário “Os desafios da educação dos filhos dos trabalhadores brasileiros no Japão “Dekasseguis”.

Publicidade

O seminário foi realizado pela JICA – Agência de Cooperação Internacional do Japão, juntamente com o Consulado-Geral do Japão e a Associação de Ex-Bolsistas da JICA (ABJICA).

Cônsul-Geral do Japão em São Paulo, Yasushi Noguchi

O seminário contou com a participação das doutoras Kimiko Nii, Kyoko Yanagida Nakagawa, Mary Yoko Okamoto, Sylvia Duarte Dantas e do vereador Akira Auriani.

Abordou temas relacionados à dificuldade encontrada por pais e professores no desenvolvimento das crianças devido a não compreensão do idioma japonês e sobre transtorno de desenvolvimento em crianças brasileiras.

Os palestrantes alertaram sobre o alto índice de crianças brasileiras que, por não conhecimento da língua, acabam não conseguindo se adaptar ao ambiente das escolas japonesas e assim são enviadas para salas especiais e algumas sendo diagnosticadas com algum tipo de distúrbio ou com suspeita de atraso no desenvolvimento.

Palestrantes no seminário

Por Viviane Gomes Yonezawa

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Tiroteios em mesquitas na Nova Zelândia

Publicado em 15 de março de 2019, em Notícias do Mundo

Partes de Christchurch estão isoladas e a polícia armada foi enviada após relatos de tiros disparados no centro da cidade na tarde desta sexta-feira (hora local).

A sequência de eventos continua incerta e a maioria vem através de relatos de testemunhas à mídia local (NHK)

Há “várias vítimas” após tiroteios nesta sexta-feira (15) em duas mesquitas na cidade de Christchurch, na Nova Zelandia, confirmou a polícia

Publicidade

O chefe da polícia Mike Bush confirmou que uma pessoa foi levada em custódia, mas disse que não está claro se há outros envolvidos.

Em uma declaração à nação, a primeira-ministra Jacinda Ardern disse que detalhes ainda não estavam claros, mas “posso dizer a vocês – esse será um dos dias mais sombrios da Nova Zelândia”.

A polícia alertou as pessoas para evitarem a área e todas as escolas e hospitais estão isolados.

Imagens não verificadas aparentemente registradas pelo atirador surgiram, sugerindo que ele filmou enquanto atirava nas vítimas.

Mohan Ibrahim, que estava na área da mesquita, disse ao New Zealand Herald: “A princípio achei que era um choque elétrico, mas então todas essas pessoas começaram a correr”.

A sequência de eventos continua incerta e a maioria vem através de relatos de testemunhas à mídia local.

Testemunhas na mesquita Al Noor, localizada na central de Christchurch ao longo da Dean Avenue, de frente para o Hagley Park, relataram ver pessoas ensanguentadas no chão no lado de fora do prédio.

Fonte: BBC

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - faça remessas com segurança!
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!