Inglaterra suspende restrições da covid-19

O governo britânico disse que seu programa de vacinação de reforço reduziu doença grave e hospitalizações por covid-19.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Uma unidade de teste de covid-19 gratuito em Londres (banco de imagens)

A maioria das restrições relacionadas ao coronavírus, incluindo uso obrigatório de máscara, foi retirada na Inglaterra nesta quinta-feira (27), após o governo britânico ter dito que seu programa de vacinação de reforço reduziu doença grave e hospitalizações por covid-19.

Publicidade

A partir desta quinta-feira, máscaras não são mais exigidas por lei em qualquer lugar na Inglaterra, e uma exigência de passes de covid-19 para entrada em clubes noturnos e em outros locais de larga escala foi suspensa.

Na semana passada, o governo retirou sua orientação para as pessoas trabalharem de casa, assim como uso de máscara nas salas de aula.

As chamadas medidas “Plano B” foram introduzidas em dezembro do ano passado para impedir que a rápida propagação da variante ômicron sobrecarregasse serviços de saúde e ganhar tempo para a população receber sua dose de reforço.

O Secretário da Saúde, Sajid Javid, disse que “ao aprendermos a conviver com a covid-19, precisamos observar claramente que esse vírus não está indo embora”.

Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte, os quais têm suas próprias regras de saúde pública, similarmente relaxaram suas restrições do vírus.

Fonte: Business Standard

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Antivirais são eficazes contra a ômicron, segundo pesquisadores no Japão

Publicado em 27 de janeiro de 2022, em Sociedade

Teste de laboratório mostrou que antivirais contra a covid-19 são eficazes tanto para combater a variante ômicron como a delta.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

O remdesivir (à esq.) e o molnupiravir (à dir.) – NHK

Um grupo de pesquisadores diz que um teste de laboratório mostrou que medicamentos antivirais contra a covid-19 são eficazes tanto para combater a variante ômicron como a delta.

Publicidade

Liderado pelo professor de projetos do Instituto de Ciência Médica da Universidade de Tóquio, Yoshihiro Kawaoka, o grupo publicou suas descobertas no New England Journal of Medicine.

Os pesquisadores testaram vários medicamentos em culturas de células infectadas pela ômicron. Eles descobriram que o remdesivir e o molnupiravir, antivirais aprovados no Japão e em outros países,  mostraram o mesmo nível de eficácia na delta em suprimir a replicação do vírus.

Eles não conseguiram confirmar completamente a eficácia de um coquetel de anticorpos, o ronapreve, o qual o Ministério da Saúde do Japão não recomenda para tratar pessoas infectadas pela ômicron.

Kawaoka enfatiza a importância de pesquisa sobre a eficácia de medicamentos usados em locais clínicos porque a variante ômicron tem várias mutações.

Fonte: NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância