Apple: com apenas 2 toques se faz doação para Ucrânia, via Unicef

A empresa da Maçã criou uma facilidade para efetuar doação para as famílias da Ucrânia, vítimas da guerra causada pela Rússia.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem do toque no iPhone (Piqsels) e reprodução da tela de doação para Unicef

Todos os usuários dos dispositivos da Apple, seja de MacBook, iPhone, iPad e outros, podem contribuir para as famílias da Ucrânia, as quais passam por um momento dificílimo por causa da invasão da Rússia, desde 24 de fevereiro. 

Publicidade

Vale lembrar os pontos importantes desta campanha de iniciativa da empresa da Maçã: 100% do dinheiro arrecadado será transferido para a Unicef e a empresa só é uma facilitadora ao criar esse mecanismo fácil para os usuários.

Basta ter um ID da Apple e acessar um dos apps de distribuição de conteúdo como Música, Podcast, iTunes Store, App Store e Apple TV, onde há um banner convidando-o para doar. 

Reproduções das telas do iPhone

Para quem mora no Japão o texto poderá aparecer em japonês, mas é intuitivo. Por isso, basta escolher uma das 6 opções de valores da doação: ¥500, ¥1.000, ¥2.500, ¥5.000, ¥10.000 ou ¥20.000.

O CEO da Apple, Tim Cook, enviou recentemente uma nota aos funcionários dizendo que a empresa também igualaria as doações na proporção de 2:1 para quem quiser ajudar a Ucrânia.

Fonte: MacRumors

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Mais de 6 milhões de mortes pela covid no mundo

Publicado em 8 de março de 2022, em Notícias do Mundo

Houve um rápido aumento nos últimos 4 meses e os países com os maiores números são EUA, Brasil e Índia.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Quarto de hospital para tratamento de paciente com covid (Wikimedia)

De acordo com os dados da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, o número de pessoas que morreram pela covid, doença causada pelo coronavírus, ultrapassou 6 milhões em todo o mundo na segunda-feira (7).

Publicidade

Por país, os Estados Unidos têm o maior número com cerca de 958 mil, seguidos pelo Brasil com 652 mil, Índia com 515 mil, Rússia com 349 mil, México com 320 mil, e outros países também com grande número de perdas.

Até segunda-feira o total de óbitos no Japão é de 25.072 pessoas.

O número de mortos no mundo pela covid ultrapassou 5 milhões no início de novembro do ano passado, mas teve um aumento rápido de 1 milhão em 4 meses.

No Reino Unido e na França, o número de infectados continua a diminuir e as regulamentações estão sendo abolidas.

Mas, na Coreia do Sul, os números de novos casos e de mortes foram os piores da epidemia no dia 4, e a situação é grave.

Fontes: ANN e News Digest

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância