Nissan revela nova tecnologia de direção autônoma para ajudar a evitar acidentes

A nova tecnologia é designada a prevenir acidentes ao detectar mudanças repentinas sucessivas por carros e pedestres.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Nova tecnologia da Nissan ajuda a evitar acidentes (banco de imagens)

A Nissan revelou na segunda-feira (25) uma nova tecnologia de direção autônoma designada a prevenir acidentes ao detectar mudanças repentinas sucessivas por carros e pedestres.

Publicidade

A montadora vai trabalhar para melhorar a tecnologia ainda mais, com a meta de instalá-la em novos veículos a partir de meados da década de 2020 e em quase todos até 2030.

Usando o sistema de sensor LiDAR, um automóvel com a tecnologia pode, por exemplo, trocar de faixas rapidamente para evitar uma colisão abruptamente com um veículo na frente do carro e logo após acionar o freio para evitar atingir um pedestre na estrada, de acordo com a Nissan.

Tecnologias de direção autônoma atuais podem evitar riscos de acidentes um de cada vez, mas não podem lidar com sucessivas situações de risco, disseram oficiais da Nissan.

A Nissan melhorou substancialmente o desempenho do sistema LiDAR para permitir que ela perceba os formatos de objetos próximos do veículo e considere a distância aos itens e seus movimentos precisamente e instantaneamente.

Para uso prático da tecnologia, a Nissan vai trabalhar a fim de permitir que ela opere sob qualquer condição climática e cortar custos de forma significativa.

Fonte: Japan Times

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Mais empresas japonesas estão suspendendo operações na Rússia

Publicado em 26 de abril de 2022, em Sociedade

A empresa de pesquisa Teikoku Databank cita interrupções em redes de fornecimento causadas pelas sanções econômicas sobre a Rússia.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Pesquisa mostrou que 60 das 168 empresas públicas japonesas que têm negócios na Rússia haviam decidido sair ou cessar as operações no país (banco de imagens)

Uma pesquisa mostra que um crescente número de companhias japonesas estão suspendendo negócios na Rússia, enquanto a guerra na Ucrânia continua.

Publicidade

O estudo realizado pela companhia de pesquisa Teikoku Databank descobriu que desde 11 de abril, 60 das 168 empresas públicas japonesas que têm negócios na Rússia, ou 36%, haviam decidido sair ou cessar as operações no país. O número aumentou das 37 na pesquisa anterior, divulgada em meados de março.

Das 60 empresas na mais recente pesquisa, 31 disseram que suspenderiam envios para a Rússia, 11 disseram que cessariam a produção em fábricas locais e 9 fechariam lojas e encerrariam outras operações.

Três companhias disseram que sairiam da Rússia. Não houve empresas que planejavam fazer isso na pesquisa em meados de março.

A Teikoku Databank cita interrupções em redes de fornecimento causadas pelas sanções econômicas sobre a Rússia. Empresas japonesas estão sob pressão crescente para suspender operações no Kremlin, visto que a guerra na Ucrânia não mostra sinais de que vai acabar.

A companhia de pesquisa disse que o êxodo de negócios japoneses da Rússia provavelmente vai continuar.

Fonte: NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência