Putin afirma que míssil balístico ‘Satan 2’ estará pronto até o fim do ano

O Kremlin ameaçou acionar uma de suas armas nucleares mais perigosas antes de dezembro.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Putin falou sobre o recém-testado míssil balístico intercontinental Sarmat RS-28, apelidado de ‘Satan 2’ (banco de imagens)

Vladimir Putin falou na terça-feira (21) sobre o recém-testado míssil balístico intercontinental Sarmat RS-28 de Moscou, apelidado de Satan 2.

Publicidade

“Teste com o míssil balístico intercontinental pesado Sarmat foi realizado com sucesso”, disse o presidente russo em uma reunião com graduados militares.

“Está planejado que o primeiro complexo do tipo será colocado em tarefa de combate até o fim do ano”.

Ele continuou para descrever a arma mortal como uma “com as características táticas e técnicas de mais alto grau e é capaz de superar todos os meios modernos de defesa antimísseis”.

Ele também disse que o mundo não tem arma comparável, e não terá algo similar “por um longo tempo”.

O Satan 2 é um míssil de combustível líquido com um alcance incrível de 18 mil quilômetros, o que significa que ele pode atingir alvos em todo o mundo.

Ele também pode carregar mais de 10 ogivas nucleares.

Por mais terrível que seja a mensagem, essa certamente não é a primeira vez que o Ocidente foi ameaçado com guerra nuclear desde a invasão da Ucrânia pela Rússia em fevereiro.

Bem nesta semana, o tenente-general aposentado russo Evgeny Buzhinsky disse na TV estatal que o Reino Unido “deixará de existir” se a 3ª Guerra Mundial começar.

Fonte: Metro UK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Aumento da gasolina pela terceira semana consecutiva

Publicado em 22 de junho de 2022, em Economia

Com esse aumento o consumidor final pagaria 215,3 ienes o litro da gasolina se não tivesse o subsídio do governo. Para abastecer 30 litros a economia é de ¥1.242.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Bombas de combustível em post self service (Wikimedia)

A Agência dos Recursos Naturais e Energia do Japão informou, na quarta-feira (22), que o preço médio do litro da gasolina aumentou para 173,9 ienes, ou 2,7 ienes a mais do que na semana passada.

Publicidade

O preço subiu pela terceira semana consecutiva e comparando com o de 30 de maio, houve um aumento de 5,3 ienes o litro.

O óleo diesel e o querosene também subiram, passando a 153,7 e 114,6 ienes o litro, respectivamente.

Sem o subsídio do governo, o preço médio do litro da gasolina custaria para o consumidor final 215,3 ienes, portanto seriam necessários 6.459 ienes para abastecer 30 litros. Mas, com o subsídio se paga em média ¥5.217.

Fontes: divulgação e ANN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância