Um dos pescadores admitiu ter esfaqueado algumas das tartarugas encontradas mortas

A associação dos pescadores declarou que foi por decisão de um e não é algo que acontece diariamente.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Tartarugas marinhas encontradas mortas em Kumejima (Museu das Tartarugas via FNN)

Pelo menos 30 a 50 tartarugas marinhas foram encontradas sangrando e morrendo na vila e ilha de Kume (Kumejima), a 100 quilômetros a oeste de Naha (Okinawa).

Publicidade

Tanto a prefeitura quanto a polícia continuam investigando a causa da morte dessas dezenas de tartarugas marinhas. Mas, um dos pescadores da ilha disse que “não tive outro jeito senão esfaqueá-las”, porque esses seres marinhos ficam presos às suas redes de pesca.   

Yuji Tabata, líder da Cooperativa de Pesca de Kumejima, disse no sábado (16) que matar as tartarugas foi um “julgamento individual” e que “não é algo que acontece diariamente”.

“O controle das tartarugas sempre foi um desafio. Não queremos matá-las“,  afirmou. Por outro lado, explicou que os pescadores sofrem com elas enroscadas nas redes. “Gostaria de solicitar à prefeitura da vila de Kumejima que compense pelas redes rasgadas para que as tartarugas possam ser devolvidas vivas”.  

Investigação continua

De acordo com o porta-voz do Museu das Tartarugas Marinhas de Kumejima, o qual está envolvido em atividades de conservação de tartarugas marinhas na vila de Kumejima, após o meio-dia de quinta-feira (14), recebeu um telefonema relatando que “as tartarugas marinhas estão enredadas”.   

Quando a equipe do Museu da Tartaruga Marinha os funcionários da prefeitura correram para a praia de Maja, do lado leste da ilha, pelo menos 30 tartarugas verdes estavam perto de uma rede usada para pesca no mar, a 50 metros da costa, quando a maré estava baixa. Elas já não conseguiam se mover.   

Elas já estavam morrendo por causa dos cortes feitos com lâminas afiadas no pescoço. Uma delas foi levada para o museu para análise detalhada de como morreu. No dia seguinte, depois do meio-dia, não havia mais mortas.

Yoshimitsu Tsukagoshi, chefe do Museu das Tartarugas Marinhas de Kumejima, disse: “Vai demorar muito até que as tartarugas possam se reproduzir. Lamento por esse tipo de incidente”.

A investigação detalhada continua. 

Fontes: NHK, FNN e Ryukyu Shimpo

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Processo afirma que Skittles são ‘impróprias para consumo’

Publicado em 18 de julho de 2022, em Notícias do Mundo

O dióxido de titânio é uma substância química encontrada em pinturas, protetores solares e cosméticos. Ele também é usado há muito tempo em produtos alimentícios.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Um pacote de Skittles (ilustrativa/banco de imagens)

Uma mulher moveu uma ação judicial contra a Mars na semana passada acusando a companhia de alimentos multinacional de falhar em suspender o uso de uma substância química em suas populares balas Skittles.

Publicidade

Em um processo apresentado junto ao tribunal da Califórnia, Jenile Thames alegou que ela abriu um pacote de Skittles em abril que ainda continha dióxido de titânio (TiO2).

A ação também acusou a Mars de falhar em empacotar as balas de uma maneira para permitir que clientes visualizassem informação sobre o produto.

O site Insider divulgou que em 2016 a Mars prometeu suspender o uso de dióxido de titânio e outros corantes artificiais em seus produtos pelos próximos 5 anos.

O dióxido de titânio é uma substância química encontrada em pinturas, protetores solares e cosméticos. Ele também é usado há muito tempo em produtos alimentícios como balas, chicletes, chocolates e cremes para café.

De acordo com pesquisadores, os efeitos do dióxido de titânio sendo digeridos pelo corpo incluem danos cromossômicos, inflamação no corpo, necroses celular e disfunção.

Os advogados de Thames estão buscando uma ação de classe que cobrirá todos os clientes da Skittles nos EUA, de acordo com o Insider.

Em 2019, a França anunciou uma proibição sobre itens que contêm dióxido de titânio que entrou em vigor neste ano. Recentemente, a União Europeia anunciou sua proibição do TiO2 como aditivo alimentar com a eliminação começando em fevereiro antes de uma proibição total a partir do próximo mês.

Fonte: The Hill

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência