Cientistas na China desenvolvem máscara que detecta exposição à Covid e influenza

Sensor na máscara parece detectar pequenas quantidades de vírus.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Ilustrativa (banco de imagens)

Pesquisadores na China desenvolveram uma máscara a qual permite que os usuários saibam se eles foram expostos à covid-19 ou influenza, um desenvolvimento que poderia ajudar populações vulneráveis mesmo com a diminuição do uso do acessório de proteção enquanto mais nações relaxam restrições do vírus.

Publicidade

Um sensor embutido na máscara foi capaz de detectar vírus da covid-19 e das cepas de influenza H5N1 e H1N1 no ar dentro de 10 minutos e enviaram notificações a um dispositivo, de acordo com o estudo liderado por 6 cientistas que trabalham na Universidade de Tongji em Xangai.

As descobertas revisadas em pares (peer-reviewed) foram publicadas no jornal científico Matter na segunda-feira (19).

O uso de máscaras continua disseminado em países incluindo a China, que mantém uma política zero Covid, enquanto muitas pessoas em todo o mundo continuam a usá-las para se protegerem a si mesmos e a outros do vírus independentemente de regras do governo.

Os pesquisadores disseram que o dispositivo foi melhor usado em espaços fechados onde o risco de infecção é alto, e estão trabalhando para reduzir o tempo de detecção e sensibilidade do acessório, o qual pode ser configurado para diferentes vírus se necessário.

Nenhum custo estimado foi publicado sobre a máscara.

Fonte: Bloomberg

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Benefício de 50 mil ienes é certo, com a aprovação na terça-feira

Publicado em 20 de setembro de 2022, em Política

Além desse benefício para as famílias carentes, serão destinados subsídios para as medidas adicionais contra o aumento de preços.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem meramente ilustrativa de um valor para pagar uma conta de eletricidade (PM)

Na reunião do gabinete realizada na manhã de terça-feira (20), foi aprovado o uso de 3,48 trilhões de ienes do fundo de reserva deste ano fiscal para as medidas adicionais contra a alta dos preços.

Publicidade

Uma parte, cerca de 850 bilhões de ienes, será usada para fornecer o benefício de 50 mil ienes para as cerca de 16 milhões de famílias isentas do imposto municipal, para amenizar os orçamento doméstico por causa dos aumentos das tarifas de eletricidade, gás, alimentos e outros.

A data do pagamento ainda não foi definida.

Ministros em reunião de gabinete na manhã de terça-feira (NHK)

Outra parte, de 1,2959 trilhão de ienes, será usada para continuar subsidiando os atacadistas de produtos de petróleo, a fim de conter o preço dos combustíveis ao consumidor final, até o final do ano. Sem esse subsídio, os consumidores pagariam mais de 200 ienes o litro da gasolina comum

Uma outra parcela será usada para subsidiar os custos hospitalares para tratamento dos pacientes com covid, em meio à epidemia do novo coronavírus.

Fontes: NHK e JNN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência