Elefante fica com a coluna deformada após 25 anos carregando turistas na Tailândia

Grupo na Tailândia compartilhou a história de Pai Lin para aumentar a conscientização sobre crueldade contra elefantes.

A foto exibida pela Wildlife Friends Foundation na Tailândia (WFFT) mostra Pai Lin, uma elefanta de 72 anos (Facebook)

Elefantes podem ser conhecidos pelos seus tamanhos, mas turistas que montam em suas costas ainda podem causar grandes danos, como mostra a foto acima compartilhada por um grupo de resgate de vida selvagem na Tailândia.

Publicidade

A foto exibida pela Wildlife Friends Foundation na Tailândia (WFFT) mostra Pai Lin, uma elefanta cuja espinha ficou desfigurada após 25 anos de trabalho na indústria do turismo, onde ela era forçada a carregar até 6 turistas de uma vez.

“As costas de Pai Lin ainda têm pontos de pressão antigos”, disse o grupo. “A pressão contínua sobre os corpos (dos elefantes) pode deteriorar o tecido e ossos em suas costas, causando danos físicos irreversíveis em suas espinhas”’.

Passeios de elefantes são uma atividade turística popular por todo o Sudeste Asiático, mas ativistas dizem que a prática é uma forma de crueldade contra animais, visto que seus corpos não são destinados a serem montados.

“Pai Lin chegou ao nosso santuário em 2006 após trabalhar na indústria de turismo tailandesa”, disse Edwin Wiek, diretor e fundador da WFFT, ao CNN.

“Ela foi abandonada pelo seu antigo dono o qual disse que ela estava se movimentando muito lentamente e sempre com dores e não podia mais trabalhar”, acrescentou ele.

Wiek disse que o grupo estava compartilhando a história de Pai Lin para aumentar a conscientização sobre crueldade contra elefantes e lembrar as pessoas para nunca os usarem como transporte para passeios, visto que o turismo está retornando ao país após a pandemia.

“É importante compreender que elefantes, ao contrário dos cavalos, não são criados para serem montados. Eles não são animais domesticados e são tirados da selva e mantidos em condições terríveis.

Pai Lin está vivendo com outros 24 elefantes resgatados no santuário da WFFT perto da cidade costeira de Hua Hin, a cerca de 2 hora e meia de Bangkok.

Fonte: CNN

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Criatura desconhecida é encontrada no Japão e recebe nome provisório

Publicado em 13 de março de 2023, em Sociedade

Pela semelhança com tawashi, uma escova típica do Japão, ganhou o nome provisório até comprovar se realmente é um ser ainda desconhecido.

Criatura marinha encontrada por um pescador (reprodução do Twitter)

Foi encontrada uma criatura marinha ainda desconhecida, que quando bate a luz emite um brilho verde esmeralda. Foi atribuído o nome provisório de Ryuguu no Tawashi, tamanha semelhança com a escova japonesa, feita de fibras naturais do cânhamo.

Publicidade

Essa criatura marinha foi encontrada por um pescador, a uma profundidade de 180 metros, na costa da cidade de Tanabe (Wakayama), em 7 deste mês.

Segundo o vice-diretor do Takeshima Aquarium, da cidade de Gamagori (Aichi), especialista, pode ser uma nova espécie ou variedade, podendo ser um parente da variedade chamada rato do mar. 

Ainda não se sabe quanto tempo poderá viver essa criatura marinha das profundezas do mar enquanto está no aquário para pesquisa, pois pouco ou quase nada se sabe sobre o ecossistema.

O ser marinho tem cerca de 20 centímetros de comprimento, um corpo alongado e ovalado como um pepino do mar e pelagem semelhante à de um ouriço, além de pernas bem pequenas parecidas com verrugas. 

Pela semelhança com o tawashi, a escova japonesa, foi dado o nome provisório de Ryuguu no Tawashi (Wikimedia e Twitter)

As diversas fotos tuítadas em 8 deste mês chamaram a atenção do público pela cor e formato inusitados. 

Fontes: Twitter e Chunichi

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - faça remessas com segurança!
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!