Alergia alimentar: controle com nutrição

Alimentação que auxilia no controle da alergia alimentar, com dica para quem tem filhos na escola japonesa.

Publicidade

A alergia alimentar é uma reação do sistema imunológico a determinadas proteínas.

As proteínas mais comuns que provocam reações imunológicas são as do leite, ovos, amendoim, trigo, soja, frutos do mar e nozes.

A alergia alimentar pode causar sintomas leves, como erupções cutâneas e coceira, dermatites atópicas, vômito, diarreia, como até reações graves, como anafilaxia, que pode ser fatal.

Importante: no Japão, os pais da criança que tem alergia à algum produto alimentício ou alimento, deve comunicar a escola onde está matriculada para que seja substituído da merenda oferecida na hora do almoço. Isso é um dever dos pais e um direito da criança que salva sua vida!

Mudanças na alimentação

Aqui estão algumas dicas que podem ajudar!

  • Evite alimentos que causam alergias

Se você sabe quais alimentos causam alergia, evite-os completamente.

Leia os rótulos dos produtos alimentícios com cuidado para garantir que não tenha ingredientes que possam causar alergia.

  • Adote uma dieta equilibrada

Para garantir que seu corpo esteja recebendo todos os nutrientes necessários, siga uma dieta equilibrada com uma variedade de alimentos saudáveis. Isso ajudará a fortalecer seu sistema imunológico e reduzir a probabilidade de reações alérgicas.

  • Escolha alimentos frescos e orgânicos e evite os transgênicos

Os alimentos frescos são menos propensos a conter ingredientes que causam alergia. Escolha alimentos frescos sempre que possível, como frutas, legumes e carnes frescas.

Para identificar se o produto alimentício como tofu, missô, leites vegetais, farinhas e outros, no Japão, não contém ingrediente transgênico, confira no rótulo a frase 非遺伝子組み換え食品 (lê-se hi idenshi kumikae shokuhin). Significa produto alimentício com ingrediente principal não modificado geneticamente ou, resumindo, não transgênico.

  • Cozinhe em casa

Quando você cozinha em casa, tem mais controle sobre os ingredientes que está usando. Isso pode ajudar a evitar os que possam causar alergia.

  • Tente substitutos alimentares

Se você tem alergia alimentar, pode ser necessário procurar substitutos.

Existem muitos substitutos alimentares disponíveis no mercado hoje em dia, como leite de soja não transgênico, queijo sem lactose, pão sem glúten, farinha sem glúten, entre outros.

  • Consulte um nutricionista

Um nutricionista pode ajudá-lo a desenvolver um plano alimentar saudável e equilibrado que leve em consideração sua alergia alimentar.

É importante entender que a alergia alimentar não é o mesmo que a intolerância alimentar, apesar de provocar sintomas parecidos. A intolerância alimentar ocorre por falta de enzimas digestivas e explicarei melhor em outro momento.

Caso tenha interesse veja as matérias sobre obesidade infantil, e outra sobre alimentação para transtorno fúngico.

Nutricionista Silvia Tsutsumi (toque para conectar no Facebook) (toque para conectar no Instagram)

Para quem busca orientações sobre nutrição e planos de dietas alimentares personalizados, entre em contato com a Silvia. Faça uma consulta e tenha suporte de uma profissional qualificada.

WhatsApp - Instagram

Para quem busca orientações sobre nutrição e planos de dietas alimentares personalizados, entre em contato com a Silvia. Faça uma consulta e tenha suporte de uma profissional qualificada. Há planos específicos para quem mora no Japão.

Os textos publicados nesta página não refletem necessariamente a opinião do Portal Mie, são de criação e responsabilidade do autor Nutricionista Silvia Tsutsumi


– Pós-graduada em Nutrição do Nascimento a Adolescência pelo Centro Universitário São Camilo – SP
– Formada em Nutrição há 14 anos, onde concluí com Honra e Mérito, sendo homenageada como 1º lugar no curso pela Reitoria.
Tive a oportunidade de viver uma experiência incrível trabalhando em uma creche no Japão. Essa experiência me permitiu aprender muito sobre alimentação saudável, principalmente para crianças.
Atualmente moro no Brasil, atendendo via teleconsulta brasileiros que moram em diversos países, mas em especial no Japão. Hoje mais de 1000 vidas foram transformadas.

WhatsApp: +55 11 97315-7409 (toque para conectar)

Site: www.nutricionistasilviatsutsumi.com

Instagram: @nutricaovivida

Twitter: @Nutricaovivida

Facebook: Nutrição Vivida

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Óleo que não pode faltar em casa: é um ‘doutorzinho’

Publicado em 6 de maio de 2023, em Dicas Especiais, Saúde, Bem-Estar e Cotidiano

O óleo extraído de uma planta brasileira é procurado e consumido por pessoas do mundo, antenadas com a naturopatia. Veja que óleo é esse!

À esq. o óleo de copaíba e 3 gotinhas, e à dir. mulher saudável (PM e PxHere)

A naturopatia, ou medicina natural, usa de recursos da natureza para prevenção e tratamento. Os profissionais – médicos – usam abundantemente os óleos essenciais, chás, compressas e outros recursos, já comprovados pela ciência, para os mais diversos tratamentos.

Publicidade

Um deles é o óleo de copaíba. A resina extraída da árvore de copaíba, encontrada principalmente na região amazônica. Tem sido usado desde antigamente pelos índios e também pelo povo, por causa de suas propriedades medicinais e terapêuticas

O óleo de copaíba também é conhecido por suas propriedades antibacterianas e antifúngicas, o que o torna útil no tratamento de infecções. Além disso, é um antisséptico natural que pode ajudar a prevenir infecções.

Ajuda a melhorar a saúde da pele pois tem propriedades hidratantes e pode ajudar a reduzir a inflamação da pele. Além disso, é rico em antioxidantes, que podem ajudar a proteger a pele dos danos causados pelos radicais livres.

O óleo de copaíba tem propriedades expectorantes e pode ajudar a aliviar a tosse e a congestão nasal. Além disso, é um anti-inflamatório natural que pode ajudar a reduzir a inflamação nos pulmões e nas vias respiratórias. 

Esse óleo está sendo comparado, em termos de eficiência, ao CBD, que nada mais é do que o canabidiol, extraído da cannabis sativa, sem o alucinógeno THC. Hoje em dia há vários produtos no mercado, desde refrigerantes, balas, gomas, óleos para ingerir e outros.

“Eu uso o óleo de copaíba para dar um up no meu sistema imune. Diariamente consumo 3 a 5 gotas misturadas a uma colher de sopa do óleo de linhaça, rico em ácidos graxos essenciais ômega 3 e ômega 6, os quais têm propriedades anti-inflamatórias e é antioxidante”, relatou uma das pessoas da redação do Portal Mie.

Em resumo, as principais propriedades do óleo de copaíba são:  

  1. Redução da inflamação
  2. Alívio da dor
  3. Melhora a saúde da pele
  4. Tratamento de infecções
  5. Fortalecimento do sistema imunológico
  6. Melhora da saúde respiratória
  7. Tratamento de problemas gastrointestinais
  8. Prevenção de doenças cardíacas
  9. Melhora da saúde oral
  10. Tratamento de problemas urinários
  11. Contra a ansiedade

Cartilha sobre esse poderoso óleo, grátis

Esse óleo é tão bom que o docente do Curso de Biomedicina Prof. Carlos Henrique G. Martins, a doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Imunologia e Parasitologia Aplicadas – PPIPA, Mariana Brentini Santiago e a Profa. Raquel Alves, da Universidade de Franca, lançaram o “Guia das copaíbas: pra quê serve?”, em PDF para disponibilizar a todos para que conheçam esse alimento e medicamento natural do Brasil. Para ler toque aqui.

Onde encontrar o óleo de copaíba no Japão

Por ser tão famoso e pelas suas propriedades curativas, ele pode ser encontrado na Amazon, pronto para ingerir as gotinhas (não exagere!), mas gestantes e lactantes não devem consumir nem usá-lo na pele, ou também para uso externo.

Para usar como suplemento e para a aplicação externa

Somente para aplicação externa

Lembrando que deve ser diluído em um óleo carreador como o de amêndoas, coco, de sementes de uva e outros. A proporção é para cada 15 ml de óleo carreador e 2 a 3 gotinhas do óleo de copaíba. Ideal para massagem, para aplicar no rosto, para evitar picadas de insetos ou depois da picada.

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - junto a comunidade no Japão
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!