Vendas de cigarro comum em queda

Em relação a 1985 a queda é brusca e pela primeira vez vendeu abaixo de 100 bilhões de unidades de cigarro convencional.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Cigarro comum vem perdendo espaço entre os fumantes (Wikimedia/My Navi)

Pela primeira vez desde que foi privatizada, em 1985, a JT-Japan Tobacco registrou vendas abaixo de 100 bilhões de unidades de cigarro no ano, anunciou na sexta-feira (19).

Publicidade

Segundo a fabricante que detém 60% da fatia do mercado, as vendas de 2017 foram de 92,9 bilhões de unidades. Convertidas em maços foram 4,645 bilhões.

Representam declínio de 12,5% em relação a 2016. E o pior, queda brusca em relação a 1985 quando as vendas atingiram o pico de 303,2 bilhões de unidades ou 15,2 bilhões de maços.

Cigarro eletrônico cresce

A queda nas vendas pode ter dois motivos. O primeiro é a consciência dos usuários em relação à saúde, deixando o vício do fumo. O segundo é o crescente aumento dos usuários de cigarro aquecido ou eletrônico, como Ploom, iQos, Vape e Glo. A JT analisa o mercado e acredita que atualmente 18% da fatia dos fumantes consome a nova versão, menos poluente.

A própria JT tem sua marca de cigarro eletrônico, a Ploom Tech. A tendência indica declínio nas vendas do comum.

O governo já anunciou que mesmo os eletrônicos ou aquecidos serão alvo de aumento de imposto. Isso provocará mais rigidez no mercado e a JT se prepara para conter a queda nas vendas através da criação de novos produtos.

Fontes: Mainichi, Yomiuri e JNN
Fotos: Wikimedia e MyNavi

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Conhecendo o Sensouji em Tóquio – o templo mais antigo da metrópole

Publicado em 21 de janeiro de 2018, em Turismo em Tóquio

Conheça o templo mais visitado de Tóquio, o Sensouji, parada obrigatória para visitantes estrangeiros.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Aparência do Sensouji, sempre muito visitado por turistas

A cidade de Tóquio realmente é uma cidade que não para. Inúmeras pessoas de diversas nacionalidades e grupos sociais visitam a cidade mais movimentada do país todos os dias. É de se surpreender como 14 milhões de pessoas cabem em uma espaço tão pequeno. É uma verdadeira correria e caos urbano.

Publicidade

No final desta página há um vídeo que a equipe do Portal Mie realizou no local!

Mas há alguns cantinhos especiais que te fazem esquecer o agito de Tóquio e apresentam uma experiência única! O templo de Sensou (com mesma escrita de Asakusa) é um lugar místico em Asakusa que reúne milhões de visitantes todos os anos! Vamos conhecê-lo?

Sensouji (浅草寺)

O templo Sensou recebe cerca de 30 milhões de apreciadores anualmente e é o templo mais antigo de Tóquio e conhecido intimamente como “Asakusa Kan’non” (浅草観音). É o único templo de sua facção budista que vende amuletos de proteção.

Rico em elementos e impressões do Japão, é também visitado por muitos visitantes e turistas estrangeiros.

A super movimentada Nakamise, onde há diversas lojas tradicionais e típicas

A Nakamise (仲見世), rua comercial na estrada do santuário após o Kaminarimon (雷門), também é um famoso ponto turístico (imagem acima).

Objetos vendidos em uma loja da Nakamise

Com 54 lojas à direita e 35 à esquerda, há lojas de alimentos, bugigangas típicas e lembrancinhas. Aproveite para beliscar algo e comprar “omiyage”.

Kaminarimon, a entrada mais conhecida do templo

O Kaminarimon é a entrada do templo mais conhecida e tem uma das maiores e mais bonitas lanternas do Japão. A porta é guardada por duas estátuas de deuses: à direita, o deus do vento Fuujin, e à esquerda, o deus do trovão Raijin. O portão fica na Omotesando, uma avenida conhecida.

Hozomon, o principal portão para o Sensoji

Passando pelo Namamise, é possível ver o Hozomon (宝蔵門), o portão principal, que possui dois andares e uma arquitetura magnífica.

“Salão de entrada’ do templo. É proibido tirar fotos de dentro do salão principal.

Dentro do templo, há o salão principal, onde fica a estátua do Kan’non Bosatsu (観音菩薩), um xamã, e lugares para preces e barraquinhas de venda de amuletos. Para entrar no salão principal é necessário pagar uma taxa de 500 por pessoa, uma valor quase que simbólico.

Os favores divinos são diversos: vão desde prosperidade nos negócios e segurança familiar e no trânsito até exorcismos.

Com certeza é um dos cartões postais mais famosos do Japão. É uma parada obrigatória em Tóquio.

Sensouji – Tóquio

Mapa de acesso: clique para abrir no Google Maps

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância