Tensão no fornecimento de energia elétrica em Kanto

O aviso da tensão começou na segunda-feira e continua na terça, por causa dessa onda de calor. É preciso colaborar para não ter apagão.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Lâmpada ligada (PM)

O governo continuará a emitir o Aviso de Tensão no Fornecimento de Eletricidade, porque a demanda está severa na jurisdição da TEPCO – Tokyo Electric Power Company, devido ao forte calor de segunda e terça-feira (28)

Publicidade

A tensão de ter um apagão na segunda-feira foi evitada devido ao efeito da colaboração na economia de energia elétrica e no aumento da geração de energia solar, mas espera-se que a relação de reserva mostrando o excedente de energia seja inferior a 5% principalmente na noite de terça-feira. 

A TEPCO está tentando garantir o fornecimento de eletricidade recebendo suporte de outras empresas.

Além da jurisdição da TEPCO, as empresas fornecedoras de Hokkaido e Tohoku também emitirão o mesmo aviso de tensão no fornecimento, na quarta-feira (29), solicitando economia de eletricidade.  

Como colaborar na redução do consumo de energia elétrica

Em um domicílio os equipamentos que mais consomem energia elétrica são o ar-condicionado e a geladeira, na proporção de 34 e 18%. As lâmpadas consomem na faixa de 10%. 

Algumas atitudes são valiosas, como programar o ar-condicionado para a temperatura de 28ºC e bloquear a entrada dos raios solares com uma esteira ou cortina. Só fazendo isso, consegue-se economia de 10%. Se ao invés do ar-condicionado usar o ventilador a economia sobe para 50%, mas isso pode ser feito só em caso de não prejudicar a saúde. 

Ar-condicionado a 28ºC (PM)

Ao desligar as lâmpadas dos ambientes onde não estão em uso, economiza-se 5%. E outro fator para colaborar é programar a geladeira para temperatura média e não forte, o que resulta em 2% de redução de consumo.

Se programar a tevê para o modo de economia de eletricidade o resultado será de 2%. O mesmo percentual é obtido na atitude de retirar o cabo dos eletrodomésticos da tomada, como PC, ventilador, tevê e outros.

Fontes: TEPCO, JNN e Yahoo!

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Monte Fuji abrirá para a temporada de escalada

Publicado em 28 de junho de 2022, em Conhecendo o Japão

Os alpinistas serão submetidos a verificações de saúde como parte de medidas anticoronavírus introduzidas no ano passado.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Multidão no cume do Monte Fuji (banco de imagens)

O icônico Monte Fuji abrirá para a temporada de escalada na sexta-feira, 1º de julho, com a exigência de que os alpinistas sejam submetidos a verificações de saúde como parte de medidas anticoronavírus introduzidas no ano passado.

Publicidade

Os governos locais de Yamanashi e Shizuoka, províncias por onde o Monte Fuji se estende, exigirão que os alpinistas entreguem um formulário de verificação de saúde e meçam a temperatura corporal na quinta estação.

Se a temperatura for de 37,5ºC ou mais, ou 1 grau a mais do que suas temperaturas normais, os alpinistas não terão permissão para avançar.

Aqueles que passarem pelo ponto de verificação sem quaisquer problemas de saúde receberão uma pulseira para mostrar que podem continuar a subir, enquanto aqueles que apresentarem febre ou outros sintomas da covid-19 serão solicitados a descer.

Os alpinistas também serão solicitados a usarem máscara em áreas aglomeradas, como quando estiveram em ambientes fechados, no cume ou quando caminharem ao longo de faixas que estão cheias de pessoas.

O Monte Fuji tem 4 rotas com datas de abertura diferentes. A trilha Yoshida abrirá em 1º de julho, enquanto as outras três, Subashiri, Gotenba e Fujinomiya, abrirão em 10 de julho. Todas as trilhas estarão acessíveis até 10 de setembro.

Em 2020, as províncias de Yamanashi e Shizuoka fecharam todas as 4 rotas em meio à pandemia de coronavírus pela primeira vez desde 1960, mas elas foram reabertas no ano passado.

De acordo com o Ministério do Meio Ambiente, 78.548 pessoas subiram o Monte Fuji no ano passado, cerca de 33% do número de 2019, que foi de 235.646.

Fonte: Japan Times

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência