Iene valoriza um pouco mas taxa de câmbio está instável

Houve movimentação diferente em relação às moedas americana e japonesa nos mercados de Tóquio e Nova Iorque.

Painel do mercado de Nova Iorque (JNN)

Os resultados das eleições nos Estados Unidos influenciaram no mercado de Tóquio na quinta-feira (10).

Publicidade

Houve um movimento de recompra da moeda americana que havia sido vendido recentemente, e a taxa de câmbio fechou em queda, na faixa de 146 ienes por dólar.

No entanto, no mercado de Nova Iorque, por volta das 22h de quinta-feira no horário do Japão, a moeda japonesa valorizou um pouco, pois começou com 146,1 abrindo uma diferença de 4, fechando a 141,8 ienes por dólar.

O índice de preços ao consumidor dos Estados Unidos do mês passado, divulgado na quarta-feira, ficou aquém das expectativas do mercado, reforçando a especulação de que o aperto monetário do Sistema de Reserva Federal ou Fed para manter a inflação sob controle diminuirá.

Como resultado, ocorreu um movimento de venda de dólares e compra de ienes.

Fontes: NHK e JNN

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Número de nascimentos no Japão deve ficar abaixo de 800 mil pela 1ª vez em 120 anos

Publicado em 11 de novembro de 2022, em Sociedade

Segundo instituto de pesquisa, o declínio de nascimentos neste ano é em parte devido a uma queda no número de pessoas que se casou em 2020 e 2021 durante a pandemia de Covid.

Os 770 mil nascimentos estimados para esse ano seriam cerca de 40 mil a menos do que em 2021 (ilustrativa/banco de imagens)

Um think tank (grupo de reflexão) prevê um total de 770 mil nascimentos no Japão neste ano. O número cairia para menos de 800 mil pela 1ª vez desde o início dos registros, há mais de 120 anos.

Publicidade

O Instituto de Pesquisa do Japão (JRI) baseou a projeção no número de nascimentos que o Ministério da Saúde divulgou para os primeiros 8 meses de 2022.

Os 770 mil nascimentos estimados para o ano seriam cerca de 40 mil a menos do que em 2021, ou uma queda de 5%. O número ficaria a menos de 800 mil pela 1ª vez desde 1899, quando os registros começaram.

O Instituto Nacional de População e Segurança Social previu em 2017 que tal queda ocorreria em 2030.

Segundo o ministério, o número de nascimentos no Japão vem caindo desde meados dos anos 1970.

Os dados preliminares do ministério para o número de nascimentos durante os primeiros 8 meses deste ano situa-se a cerca de 520 mil, queda de 27 mil em comparação ao ano passado, incluindo crianças estrangeiras.

O JRI diz que o declínio de nascimentos neste ano é em parte devido a uma queda no número de pessoas que se casou em 2020 e 2021 durante a pandemia de coronavírus.

Fonte: NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros