Gatos causaram mais de 100 incêndios em casas na Coreia do Sul nos últimos 3 anos

Gatos causaram um total de 107 incêndios entre janeiro de 2019 e novembro de 2021 na Coreia do Sul.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Gatos foram responsáveis por mais de 100 incêndios na Coreia do Sul (ilustrativa/banco de imagens)

Donos de animais de estimação na Coreia do Sul foram alertados após mais de 100 incêndios terem sido causados por gatos nos últimos 3 anos, de acordo com funcionários do departamento de bombeiros de Seul.

Publicidade

De acordo com uma declaração em 30 de dezembro, o Departamento Metropolitano de Seul de Incêndios e Desastres disse que gatos causaram um total de 107 incêndios entre janeiro de 2019 e novembro de 2021.

Acredita-se que os gatos tenham iniciado os incêndios ao ligar fogões elétricos, disse o departamento.

Gatos podem ligar fogões elétricos ao saltar sobre botões sensíveis ao toque e uma vez superaquecido, o eletrodoméstico pode pegar fogo.

Quatro pessoas ficaram feridas nos incêndios, dos quais um pouco mais da metade foram causados quando os donos dos pets estavam fora de casa, acrescentou a declaração.

Fonte: CNN

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Aichi: mais 13 casos de ômicron

Publicado em 3 de janeiro de 2022, em Sociedade

Todas as pessoas que tiveram confirmação da infecção pela variante ômicron não têm histórico de viagem para o exterior.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem ilustrativa (PM)

No domingo (2) foram confirmados mais 13 casos de infecção pela variante ômicron do novo coronavírus em Aichi

Publicidade

A faixa etária varia de adolescentes até 70 anos e todos estão internados para tratamento, com sintomas leves. Nenhuma dessas pessoas viajou para o exterior, portanto, conclui-se contágio comunitário, mas 6 delas não sabem identificar a rota. 

Com esses novos casos, o total da infecção pela variante ômicron sobe para 22, sendo 10 de Nagoia.

Fontes: Nagoya TV e NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância