Exemplos de saladas com ingredientes encontrados no Japão

Aumente o seu leque de opções de salada com a facilidade dos ingredientes encontrados no mercado japonês.

Prepare saladas saudáveis com ingredientes e temperos japoneses (ilustrativa)

A salada é uma parte essencial da alimentação, pois contém muita fibra, vitaminas e nutrientes importantes para nossa saúde. E os brasileiros que moram no Japão ainda podem incrementar suas saladas com ingredientes locais, que trazem nutrientes diferentes e muito interessantes para sua saúde.

Publicidade

Veja abaixo alguns exemplos de saladas com ingredientes comuns do mercado japonês.

Salada de alga, a wakame

A wakame (ワカメ), é uma alga muito consumida no Japão, como um ingrediente comum para as saladas. Para fazer a salada, misture a wakame já hidratada com vinagre de arroz, molho de soja, óleo de gergelim (胡麻油, lê-se goma abura) e um pouco de açúcar.

Você pode adicionar outros ingredientes, como cenoura ralada ou pepino fatiado, para adicionar mais sabor e textura.

Em geral, se encontra a wakame desidratada nos supermercados. Para usá-la na salada pegue apenas uma pequena porção e coloque-a de molho na água até que volte ao estado natural.

Salada de edamame

Edamame são grãos de soja jovens, cozidos em água salgada. São frequentemente servidos como um aperitivo nos restaurantes japoneses, mas também podem ser adicionados às saladas.

Misture edamame cozido com cenoura ralada, cebolinha picada e um molho de gengibre e limão para uma salada saudável e deliciosa.

O edamame (枝豆) pode ser encontrado congelado ou fresco nos supermercados.

Salada de missô

O missô é uma pasta fermentada de soja que é um ingrediente essencial na culinária japonesa. Para fazer a salada com este tempero, misture missô branco com vinagre de arroz, óleo de gergelim e açúcar. Adicione pepino fatiado, rabanete em fatias finas e coentro picado para uma salada refrescante.

Salada de couve-flor com molho de gergelim

A couve-flor é frequentemente usada em saladas japonesas. Para esta salada, misture couve-flor cozida al dente cortada em pequenos pedaços com um molho feito com óleo de gergelim, shoyu, vinagre de arroz e açúcar. Adicione sementes de gergelim torradas para dar crocância.

Salada de cenoura com molho ponzu

O ponzu é um molho cítrico japonês feito com suco de limão ou yuzu, shoyu e vinagre de arroz. Para fazer a salada de cenoura com ponzu, misture a porção já ralada com um pouco de cebolinha picada e regue com o molho de ponzu. Adicione um pouco de sementes de gergelim para dar crocância.

Espero que essas sugestões possam inspirar você a experimentar novas saladas com ingredientes do mercado japonês!

E lembre-se: o chá verde é excepcional para sua saúde, toque aqui e veja uma matéria sobre o assunto. E saiba sobre como usar whey protein para emagrecimento neste link.

Nutricionista Silvia Tsutsumi (toque para conectar no Facebook) (toque para conectar no Instagram)

Para quem busca orientações sobre nutrição e planos de dietas alimentares personalizados, entre em contato com a Silvia. Faça uma consulta e tenha suporte de uma profissional qualificada.

WhatsApp - Instagram

Para quem busca orientações sobre nutrição e planos de dietas alimentares personalizados, entre em contato com a Silvia. Faça uma consulta e tenha suporte de uma profissional qualificada. Há planos específicos para quem mora no Japão.

Os textos publicados nesta página não refletem necessariamente a opinião do Portal Mie, são de criação e responsabilidade do autor Nutricionista Silvia Tsutsumi


– Pós-graduada em Nutrição do Nascimento a Adolescência pelo Centro Universitário São Camilo – SP
– Formada em Nutrição há 14 anos, onde concluí com Honra e Mérito, sendo homenageada como 1º lugar no curso pela Reitoria.
Tive a oportunidade de viver uma experiência incrível trabalhando em uma creche no Japão. Essa experiência me permitiu aprender muito sobre alimentação saudável, principalmente para crianças.
Atualmente moro no Brasil, atendendo via teleconsulta brasileiros que moram em diversos países, mas em especial no Japão. Hoje mais de 1000 vidas foram transformadas.

WhatsApp: +55 11 97315-7409 (toque para conectar)

Site: www.nutricionistasilviatsutsumi.com

Instagram: @nutricaovivida

Twitter: @Nutricaovivida

Facebook: Nutrição Vivida

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Luzes LED com sensor de movimento: iluminação automática para locais estratégicos

Publicado em 15 de abril de 2023, em Dicas Especiais

Imagine abrir armários e uma luz ligar automaticamente? As pequenas luzes com sensor de movimento são muito práticas em diversos ambientes.

Diversos ambientes utilizando luzes com acendimento automático (Portal Mie).

Se em sua casa ou apartamento há um ambiente ou armário com pouca (ou nenhuma) iluminação, uma boa solução são as luzes LED com sensor de movimento, que acendem automaticamente quando algo se movimenta no raio de foco do sensor.

Publicidade

Outro bom uso para estas luzes é no quarto, em uma área estratégica. Assim quando alguém levantar da cama enquanto outros estão dormindo, não precisa acender a luz do quarto e acordar as pessoas.

A maioria destas luzes são alimentadas por pilhas, mas há algumas que tem bateria própria e podem ser recarregadas com cabo USB. Como as luzes utilizam LED o consumo é baixo, então pilhas ou baterias duram por muito tempo.

“Eu mesmo instalei essas luzes LED em minha casa, tanto nos quartos, corredor quanto na cozinha, por serem fáceis de manusear. São muito práticos e úteis, por isso, recomendo a todos, especialmente para os closets escuros”, disse uma pessoa da redação como testemunhal.

Veja alguns modelos de luzes LED que podem ser muito úteis em diversas situações.

Anker Eufy Lumi – LED com sensor de movimento

A luz instalada em uma cama (à direita) e em outro local para iluminação indireta. Não ascende de dia ou se houver iluminação. (Portal Mie).

Este conjunto de 3 unidades oferece um ótimo custo x benefício. A iluminação é indireta, mais agradável para os olhos. É possível instalar utilizando fita dupla face ou com parafusos (fornecidos). Após inserir pilhas, basta fixar em algum lugar escuro que acenderá automaticamente com movimento. Tem sensor de luminosidade também, portanto só acende se estiver escuro para economizar pilha e o kit é barato! Toque para ver o produto.

Star-Spangled – conjunto de 3 luzes LED com sensor

A luz instalada no teto de um armário e na parede lateral de outro. (Portal Mie)

Diferente do modelo citado acima, tem 6 luzes LED que iluminam em ângulo aberto, sendo muito indicadas para iluminar armários ou ambientes escuros da casa. Como é leve pode ser fixada no teto de um armário por exemplo, ou fixada em outro local com uso de fita dupla face ou parafusos (fornecidos). Toque para ver o produto.

Créer – bastão de iluminação com sensor de movimento

A luminária instalada na lateral de um armário, podendo ser portátil (Portal Mie).

Este modelo oferece uma iluminação mais intensa. Para instalar é preciso fixar a base fornecida com fita dupla face ou parafusos (fornecidos), e a luminária é fixada através de ímãs, podendo ser removida facilmente e pode ser usada como luminária portátil. Tem 2 modos para ligar: por sensor ou ligada direto. Toque para ver o produto.

Outros modelos de luzes LED com sensor

OHM – lâmpada LED com sensor de movimento (toque para ver o produto).

Yezeen – conjunto de 2 luminárias LED com sensor de movimento, bateria recarregável (toque para ver o produto).

OHM – luminária LED com gancho para fixação. Pode ser usada interna ou externamente (toque para ver o produto).

Bom trabalho!

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - faça remessas com segurança!
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!