N-Box foi o carro mais vendido no Japão em agosto

As vendas do veículo leve aumentaram em mais de 50% ante o ano anterior para 16.812 unidades. O modelo é popular por características como sua cabine espaçosa.

As vendas do N-Box aumentaram em mais de 50% ante o ano anterior (Honda)

O N-Box da Honda ficou em primeiro lugar como o carro novo mais vendido no Japão em agosto, assumindo o lugar de topo pela 1ª vez em 3 meses, mostraram dados da indústria na quarta-feira (6).

Publicidade

As vendas do veículo leve (kei jidosha) aumentaram em mais de 50% ante o ano anterior para 16.812 unidades, visto que o modelo é popular por características como sua cabine espaçosa.

O subcompacto da Toyota, o Yaris, ficou em 2º lugar, com 14.232 unidades, seguido pelo kei Tanto da Daihatsu com 10.950 carros.

Os dados foram divulgados pela Associação de Comerciantes de Automóveis do Japão e da Associação de Motocicletas e Veículos Leves do Japão.

Os 10 carros de passageiros mais vendidos no Japão em agosto:

Posição Carro Marca Unidades vendidas
1 Yaris Toyota 14.232
2 Corolla Toyota 10.201
3 Sienta Toyota 9.636
4 Roomy Toyota 8.704
5 Prius Toyota 7.252
6 Noah Toyota 7.139
7 Voxy Toyota 6.542
8 Note Nissan 6.192
9 Serena Nissan 5.790
10 Raize Toyota 5.071

Os 10 veículos leves mais vendidos no Japão em agosto:

Posição Carro Marca Unidades vendidas
1 N-Box Honda 16.812
2 Tanto Daihatsu 10.950
3 Spacia Suzuki 8.768
4 Hustler Suzuki 7.268
5 Move Daihatsu 7.092
6 Wagon R Suzuki 5.590
7 Alto Suzuki 4.816
8 Roox Nissan 4.610
9 Taft Daihatsu 4.603
10 Mira Daihatsu 4.273
Fonte: Nippon, Yahoo Japan

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Hotéis no Japão enfrentam grave falta de mão de obra causada pela pandemia

Publicado em 6 de setembro de 2023, em Sociedade

A porcentagem de hotéis e pousadas que reportou escassez de funcionários está se aproximando de 80%, mais do que antes da pandemia, de acordo com a Teikoku Data Bank.

A falta de funcionários de limpeza até forçou alguns hotéis a recusarem clientes (ilustrativa/banco de imagens)

“Não temos camareiras suficientes para limpar os quartos”, diz um gerente de hotel.

Publicidade

“Então, tivemos que passar o horário de check-in para depois das 15h”.

Esse hotel em particular terceiriza suas tarefas de limpeza de quartos a uma empresa de serviços na área. No passado, ela empregava seus próprios funcionários de limpeza, e usava fontes de fora apenas para compensar carências. Agora, ela está sentindo o aperto de ambas as direções.

A culpa é da pandemia de Covid-19, divulgou o Toyo Keizai em 26 de agosto. Não porque funcionários de limpeza ficaram doentes, mas pelo fato de que em certo ponto durante a queda na demanda por viagens, havia menos necessidade de seus serviços, e muitos mudaram para outros empregos.

A falta de funcionários de limpeza até forçou alguns hotéis a recusarem clientes, incorrendo em perdas de oportunidades. Isso aconteceu apesar de um aumento no valor pago por hora, de acordo com uma fonte, de ¥1,1 mil para ¥1.250.

Então, a partir de agosto, as restrições de viagens sobre grupos da China foram suspensas, o que somou mais trabalho para as camareiras.

“Comparados com outros hóspedes, os chineses tendem a largar mais lixo em seus quartos, o que exige mais tempo de limpeza”, disse uma fonte da indústria hoteleira. “

Uma maneira que a escassez de trabalhadores está sendo compensada é ao treinar estrangeiros. No fim de junho, um fundo afiliado ao Mystays Hotel Business Management abriu a Narita Hospitality Academy, na província de Chiba.

Treinamos estrangeiros que querem trabalhar no Japão e os despachamos para companhias no interior do país”, disse Shunsuke Yamamoto, diretor de gestão do Forest Investment Group Japan.

E mais, a escassez de mão de obra não afeta apenas os funcionários de limpeza, mas é uma preocupação por toda a indústria da hospitalidade.

De acordo com a Teikoku Data Bank, a porcentagem de hotéis e pousadas que reportou escassez de funcionários está se aproximando de 80%, mais do que antes da pandemia.

Fonte: Japan Today

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - junto a comunidade no Japão
Kumon - aprenda japonês e tenha mais oportunidades!