Por que não é recomendável entrar no mar a partir do feriado de Obon?

Sabia que é melhor não escolher a praia para lazer a partir do feriado de Obon? Saiba os motivos e, se deseja desfrutar, siga a recomendação!

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Pessoas nadando no mar (RawPixel)

Com o calor muitas pessoas querem ir à praia para desfrutar do feriado de Obon, época que os japoneses voltam às terras natais para visitar os túmulos ou unir as mãos para orar pelos antepassados no oratório em casa.

Publicidade

Há várias opções de lazer no verão como acampar, ir ao rio ou à piscina, mas a praia parece ser a preferida da maioria. No entanto, há 4 motivos pelos quais se deve evitar ir.

1 – Aumento das águas-vivas

Nesta época o número de águas-vivas crescem de tamanho e aumenta sensivelmente o número delas. Um dos motivos são as ondas doyo, as quais se formam em grande quantidade na costa. Por isso, se vê muitas delas nas águas rasas e até nas areias.

A recomendação é procurar praias que tenham proteção de rede e presença de salva-vidas, pois eles monitoram.

Se for picado veja o que fazer tocando aqui.

Caravela portuguesa na areia da praia (Wikimedia)

Além das águas-vivas e caravelas portuguesas, há um grande aumento das algas marinhas. Então, o risco de afogamento devido ao emaranhamento de algas nos seus pés aumenta, ainda mais se for acometido por uma onda doyo, podendo evoluir para um acidente grave.  

2 – Tendência de ocorrência das ondas chamadas doyo

Esse tipo de onda, bem alta, chamada de doyo-nami em japonês, é frequente nas praias, mesmo sem vento. A característica é que elas vão engolindo as menores à medida que se aproximam da areia e, de repente, ficam altas. Além de correr o risco de ser pego de surpresa, ainda trazem as águas-vivas.

São causadoras de acidentes como afogamento.

3 – Facilidade de ocorrerem correntes de retorno

Se trata de forte corrente que ocorre quando uma onda que atinge a costa tenta retornar ao mar e até em águas rasas. Essa corrente é perigosa, pois mesmo que a pessoa esteja parada em local raso, pode ser derrubada e se afogar.

Em japonês se diz riganryu e em inglês rip current. Veja algumas imagens gravadas pela Guarda Costeira do Japão tocando aqui, as quais mostram essas correntes em cor verde.

Ondas no mar (PM)

Mais um motivo para escolher uma praia que tenha salva-vidas e tenha sinalizações. Jamais desrespeite as sinalizações. 

4 – Aumento dos acidentes aquáticos

Além dos motivos mencionados acima, os acidentes no mar tendem a aumentar devido a vários fatores durante o feriado de Obon.

Um dos motivos é o tufão que costuma se formar nesta época. Com sua aproximação, um dos efeitos é a elevação das ondas. Assim, acontecem acidentes de afogamento por ser engolido por uma dessas.

Outro problema é o esfriamento da temperatura da água pelo efeito do tufão. Isso esgota mais rapidamente a energia da pessoa nadando ou praticando algum esporte marinho e pode se acidentar.

Se for praticar snorkeling a recomendação é usar roupa – de lycra ou neoprene – de mangas compridas e calça até o tornozelo para se proteger. Se for nadar na praia, vale relembrar que seja onde tenha salva-vidas. 

Divirta-se com cuidado!

Snorkeling com roupas de manga comprida (RawPixel)

Fontes: Guarda Costeira, Domani e WeatherNews

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Unidade da Toyota paralisada por causa da infecção pelo coronavírus

Publicado em 10 de agosto de 2022, em Economia

Uma importante unidade que abastece as plantas do exterior está fechada até 22 deste mês porque alguns funcionários testaram positivo para o coronavírus.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Logo da Toyota na parte frontal do veículo (Pixnio)

Segundo o comunicado e pedido de desculpas da Toyota Motor, 10 funcionários, todos do sexo masculino, na faixa dos 18 aos 50 anos, testaram positivo para o coronavírus, entre 1.º a segunda-feira (8), no Centro de Logística de Tobishima, na vila homônima, em Aichi.

Publicidade

Por isso, a companhia decidiu fechar a unidade na quarta (10), quinta e sexta-feira (12).

Depois disso, o seu calendário tem o feriado de Obon, por isso, retornará às atividades em 22 deste mês.

Esse centro de logística da Toyota envia peças para as plantas de produção do exterior. Ainda não se sabe sobre o impacto da produção nas plantas em outros países.

A Toyota Motor informou em seu comunicado que decidiu suspender as atividades para assegurar a tranquilidade e segurança dos demais funcionários e trabalhadores terceirizados. 

“Continuaremos mais atentos para evitar a propagação da infecção e verificar o estado de saúde de nossos funcionários em todas as nossas bases e de nossas empresas parceiras”, informou no comunicado.

A maior montadora do mundo suspendeu a produção de uma linha do turno noturno na planta de Tsutsumi, na cidade de Toyota, por 2 dias por causa do mesmo motivo, de funcionários testados positivo para o coronavírus.

Fontes: divulgação e NetDenJd

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência